Feeds:
Artigos
Comentários

O Dia Mundial do Livro é assinalado, desde 1996 e por decisão da UNESCO, a 23 de abril. Trata-se de uma data simbólica para a literatura, já que, segundo os vários calendários, neste dia desapareceram importantes escritores como Miguel de Cervantes e William Shakespeare, entre outros. A ideia da comemoração teve origem na Catalunha, a 23 de abril, dia de São Jorge, localidade onde uma rosa é oferecida a quem comprar um livro.

Nas Bibliotecas Escolares (BE) do Agrupamento de Escolas Afonso de Paiva quisemos, mais uma vez, assinalar esta data de forma colaborativa e desafiámos os nossos alunos e professores, desde o pré-escolar ao nono ano, a participarem na celebração on-line desta data, propondo diferentes desafios literários, como forma de assinalar este dia, recorrendo a atividades em suporte digital, com recurso a ferramentas digitais como o padlet, o canva e a soundcloud, mas também ao desenho, à pintura e à escrita.

Paralelamente foram também realizadas na BE Afonso de Paiva, quatro sessões de animação de leitura, com duas turmas de primeiro ano e duas turmas de segundo ano, a partir do livro “Trincas – O Monstro dos Livros” de Emma Yarlett, orientadas pela Educadora Maria da Luz Lopes da equipa das BE, convidando as crianças a entrar no mundo da fantasia a partir da leitura, encenação e dramatização da história com fantoches, música e adereços, entre outros, com o intuito de estimular o acesso às bibliotecas, incentivar para a descoberta do prazer de ler e fomentar hábitos de leitura desde cedo. Os alunos divertiram-se muito!

Agradecemos as muitas participações de alunos e professores, a todos os que participaram e enviamos os parabéns a todos pelas magníficas participações! Temos respostas muito inspiradoras! E algumas muito desafiantes! Ora espreitem… E leiam!

PADLET PRÉ-ESCOLAR E 1º CICLO

PADLET 2º E 3º CICLOS

Porque ler é sempre o melhor remédio!

Histórias para Aconchegar é o nome do mais recente projeto colaborativo on-line entre as Bibliotecas Escolares do Agrupamento de Escolas Afonso de Paiva e do Agrupamento de Escolas José Sanches e S. Vicente da Beira. Nesta nova página em linha das Bibliotecas Escolares (BE) reunimos e apresentamos um espaço de acolhimento e aconchego para meninos e meninas, pais, cuidadores e tutores, educadores e professores e toda e qualquer pessoa interessada em ler, ver e ouvir histórias. É um convite para estreitar as relações, olharmos para nós, para os outros e para o mundo com mais encantamento, confiança e aconchego, através do mundo encantado das palavras, neste que é um dos dias mais especiais assinalados mundialmente, dedicado precisamente às palavras e às leituras, dia 23 de abril, o Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor.

Procurámos agregar de forma organizada, ligações para páginas, canais e plataformas disponíveis em linha, numa curadoria de conteúdos realizada pelas Professores Bibliotecárias Carla Manuela Nunes e Maria do Céu Vaz, apresentadas nas categorias: áudio-histórias; vídeo-histórias, inclu-histórias e ainda ebooks, assim como ligações para outras leitur@s, em páginas e sítios onde também podem ouvir, ver e ler muitos outros livros e muitas mais histórias.

Visitem, partilhem e leiam! Porque ler é o melhor remédio!

Aproximamo-nos do dia em que o livro é celebrado mundialmente. O Dia Mundial do Livro é comemorado, desde 1996 e por decisão da UNESCO, a 23 de abril. Trata-se de uma data simbólica para a literatura, já que, segundo os vários calendários, neste dia desapareceram importantes escritores como Cervantes e Shakespeare, entre outros. A ideia da comemoração teve origem na Catalunha, a 23 de abril, dia de São Jorge, localidade onde uma rosa é oferecida a quem comprar um livro.

Este ano, as Bibliotecas Escolares do Agrupamento de Escolas Afonso de Paiva propõem a todos os alunos e professores de Português, LGP, PLS, PLNM do 2º e 3º ciclos, com a colaboração dos professores de educação especial, 3 desafios literários, como forma de assinalar esta data. Os participantes devem, através de um QR code aceder a um padlet colaborativo, criado para o efeito pela professora bibliotecária, clicar na ligação áudio e ouvir a mensagem da bibliotecária, que contém a explicação da data (Dia Mundial do Livro) e os 3 desafios, apresentados em três colunas diferentes. Para participarem basta clicar em +, por baixo da coluna de cada desafio, sem esquecer de identificar em cada publicação, o primeiro e último nome de cada aluno, o seu nº e a sua turma

No final de publicarem os trabalhos, os alunos podem ler as respostas dos colegas e avaliar de 1 a 5 estrelas (no fim de cada publicação surge a indicação “avaliar” e ao clicar surgem as 5 estrelas; devem selecionar o nº de estrelas consoante a avaliação pretendida, sendo que 5 estrelas equivale a muito bom). As respostas mais votadas serão distinguidas num trabalho especial!

O desafio está aberto entre 19 e 23 de abril. Contamos convosco!

Boas leitur@s!

Aproximamo-nos do dia em que o livro é celebrado mundialmente. O Dia Mundial do Livro é comemorado, desde 1996 e por decisão da UNESCO, a 23 de abril. Trata-se de uma data simbólica para a literatura, já que, segundo os vários calendários, neste dia desapareceram importantes escritores como Cervantes e Shakespeare, entre outros. A ideia da comemoração teve origem na Catalunha, a 23 de abril, dia de São Jorge, localidade onde uma rosa é oferecida a quem comprar um livro.

Este ano, as Bibliotecas Escolares do Agrupamento de Escolas Afonso de Paiva propõem a todos os alunos e professores do pré-escolar e 1º ciclo, com a colaboração dos professores de educação especial, o desenvolvimento de uma atividade relacionada com a data, a partir da obra “Se eu fosse um livro” de José Jorge Letria com ilustração de André Letria.

Para as crianças do pré-escolar dos JI do agrupamento, cada aluno e/ ou educador cria, individualmente, um desenho (e pinta) a partir do mote “Se eu fosse um livro…”, título do conhecido escritor José Jorge Letria, ilustrado por André Letria, seguindo-se a partilha dos desenhos por todos os alunos e jardins de infância envolvidos, num padlet colaborativo criado para o feito pela professora bibliotecária. Basta tirar uma fotografia e/ ou digitalizar. Cada Jardim de Infância tem uma coluna já criada e os trabalhos podem ser carregados clicando em +, por baixo da coluna respetiva, não esquecendo de identificar em cada publicação, o primeiro e último nome de cada aluno e a sua sala.

Para os alunos do 1º ciclo das EB do agrupamento, cada aluno e/ ou professor cria, individualmente, uma frase a partir do mesmo mote “Se eu fosse um livro…”. A escrita da frase (e pintura) será feita num marcador de livro criado para o feito pela professora bibliotecária. Pode ainda e se for essa a opção, ser criada em suporte digital a partir da ferramenta gratuita on-line Canva.

No final de publicarem os trabalhos, os alunos podem ver os desenhos e ler as frases dos colegas e avaliar de 1 a 5 estrelas (no fim de cada publicação surge a indicação “avaliar” e ao clicar surgem as 5 estrelas; devem selecionar o nº de estrelas consoante a avaliação pretendida, sendo que 5 estrelas equivale a muito bom). As frases mais votadas serão distinguidas num trabalho especial!

O desafio está aberto entre 19 e 23 de abril. Contamos convosco!

Boas leitur@s!

2º período (mês de janeiro)

Celebrado anualmente a 21 de março, o Dia Mundial da Poesia assinala uma das formas mais preciosas de expressão e identidade cultural e linguística da Humanidade.

A UNESCO adotou pela primeira vez em 21 de março como Dia Mundial da Poesia durante a sua 30ª Conferência Geral em Paris, em 1999, com o objetivo de apoiar a diversidade linguística através da expressão poética e aumentar a oportunidade de serem ouvidas línguas ameaçadas. O Dia Mundial da Poesia é a ocasião de homenagear poetas, reviver tradições orais de recitais de poesia, promover a leitura, a escrita e o ensino da poesia, promover a convergência entre poesia e outras artes como teatro, dança, música e pintura, promovendo a sua visibilidade.

As Bibliotecas Escolares (BE) do AE Afonso de Paiva não quiseram deixar de assinalar esta data dedicada a uma forma de excelência da criação humana e apesar da atipicidade deste ano, realizámos algumas atividades imersivas para celebrar a Poesia e a levar a alunos, professores, técnicos, funcionários, pais e encarregados de educação e a quem nos visita, aludindo de forma singela a um futuro onde os poemas e os poetas nos acompanhem e nos deem voz.

Na semana de 22 a 26 de março esteve patente na BE Afonso de Paiva e na BE S. Tiago uma mostra bibliográfica de poesia de autores portugueses e foi divulgada uma lista de títulos poéticos do acervo documental das Bibliotecas Escolares junto dos docentes de todos os níveis de ensino, no âmbito da atividade “Temas em Livros”. Durante a semana e em ambas as BE foram apresentados diariamente vídeos com declamações de poemas do programa da RTP2 “Um Poema por Semana“. Foi igualmente promovido um desafio poético dirigido aos alunos do 4º ano da turma 4AP que a ele responderam de forma muito criativa: em grupo escolheram livros de poesia; a pares selecionaram um poema e de seguida prepararam, de forma autónoma, a sua leitura expressiva e depois gravaram vídeos curtos com as suas declamações. No final ainda houve tempo para completarem a frase: “Para mim, a poesia é…” em folhinhas de árvore que depois colocaram na bonita árvore da poesia que pode ser apreciada na BE Afonso de Paiva.

Um aplauso para estas jovens vozes já comprometidas com a poesia, que lendo nos bastidores ou em público, em jardins ou nas ruas, nas bibliotecas escolares ou nas salas de aula, celebram esta forma preciosa de expressão humana!

Há já muito tempo que os animais desejavam averiguar a que sabia a Lua. Seria doce ou salgada? Quem não sonhou alguma vez em dar uma trincadela na Lua? Foi precisamente este o desejo dos alunos da turma 5AP de 1º ano da Escola Básica Afonso de Paiva que com a ajuda dos animais desta história e pela mão da professora Paula Alves, quiseram provar um pedacinho.

“A que Sabe a Lua?” de Michael Grejniec com tradução de Alexandre Honrado (Editora Kalandraka) foi o livro escolhido para trabalhar a entreajuda e a cooperação, o trabalho em equipa, a leitura, a matemática, a alimentação e até mesmo o conhecimento do universo. A turma construiu um livro em 3D, um livro tão redondo e saboroso como a Lua cheia, onde os animais da selva iam mostrando que as coisas partilhadas sabem sempre muito melhor.

Várias foram as atividades e as tarefas realizadas dentro e fora da sala de aula, articulando a leitura com os múltiplos conteúdos das diferentes disciplinas e houve até espaço para uma muito apetitosa receita de “Bolo da Lua” confecionada pelas mãos dos pais e encarregados de educação. Para a Matilde, que fez um bolo com a mãe, a Lua tem sabor a chocolate!

Mas, afinal, a que sabe a Lua? Sabe simplesmente ao que cada um desejar…

Programa

https://t.co/MXXCcvIIoO?amp=1

As Bibliotecas Escolares do AE Afonso de Paiva mantêm uma forte presença on-line, encontrando-se disponíveis através de diferentes formas de contacto (síncrono e assíncrono) e de presença digital no blogue, páginas de projetos e redes sociais e também numa equipa interna “BE On-line” no MS Teams do Agrupamento, de acesso livre à comunidade escolar.

Cliquem na imagem abaixo e naveguem no Sway para ficarem a saber melhor como podem encontrar e contactar com as Bibliotecas Escolares on-line.

Visitem-nos e sigam-nos!

#bibliotecas escolares #estamoson
Plano Nacional de Leitura 2027 | Portugal

Plano Nacional de Leitura 2027 | Portugal

Escola Portuguesa

Histórias, informações e opiniões de um professor português, sobre educação e não só...

CNAPEF

Conselho Nacional de Associações de Profissionais de Educação Física e Desporto

RECURSOS EDUCATIVOS

NECESSIDADES EDUCATIVAS ESPECIAIS

ANLite

Audiências, Notícias e Literacia | Audiences, News and Literacy

Blogue do IILP

Promocão e difusão da língua portuguesa

Astrid Lindgren Memorial Award

The World's Largest Children's Literature Award

Universo Abierto

Blog de la biblioteca de Traducción y Documentación de la Universidad de Salamanca

MixLit

O DJ da literatura

abiblioterapeuta.wordpress.com/

A Biblioterapeuta: porque os livros curam.

%d bloggers like this: