Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘biblioteca municipal de Castelo Branco’

Cristina Taquelim é uma referência na promoção da leitura em Portugal, em mediação leitora e também com contadora de histórias. Dedica a sua atividade profissional à promoção da leitura e à arte de contar. Psicóloga educacional, prodigiosoa contadora de histórias e co-organizadora do conhecido encontro internacional «Palavras Andarilhas», é também autora de livros para a infância. Tudo boas razões para mais um magnífico encontro dos nossos pequenos leitores com o mundo mágico dos contos e das histórias na Biblioteca Escolar Afonso de Paiva.

No passado dia 9 de dezembro, os alunos das turmas 5º1 e 5º3 do AE Afonso de Paiva, acompanhados pelos professores, puderam ouvir contar histórias e podemos afirmar que para todos, grandes e pequenos, foi um momento único, envolvendo na magia da leitura todos os participantes, momento este proporcionado, novamente, no âmbito do Plano de dinamização e promoção da leitura e da escrita a desenvolver pela Biblioteca Municipal, em colaboração com a Rede Concelhia de Bibliotecas Escolares, inserido no Programa Transfronteiriço Interreg v-a entre Espanha e Portugal (POCTEP) 2014-2020. 1,2,3,4 redes.con.

Para Cristina Taquelim “independentemente da idade, do contexto, das competências e saberes, contar é a arte da relação. Posta ao serviço de uma estratégia de promoção de leitura, ela serve o desenvolvimento da linguagem. (…) Contar e ouvir contar constitui um espaço e um tempo de reflexão sobre as metáforas do mundo e da vida, mapeando valores, emoções e afectos. Ouvir contar apoia o desenvolvimento da escuta e da memória, sem as quais não existe aprendizagem, bem como a organização de enunciados orais, de mecanismos expressivos. Mas contar e ouvir contar também são apenas lazer, fruição, colo e embalo.”

Muito obrigada, Cristina Taquelim! Ficámos de coração cheio!

Read Full Post »

Num exercício de união entre a atividade de contadora de histórias e a de escritora, Elsa Serra desenvolveu, no passado dia 6 de dezembro, um encontro único com os pequenos leitores da EB S. Tiago do AE Afonso de Paiva. Contadora de Histórias desde 1999, escreve, dá formações, sonha acordada, gosta de chocolate e acredita que pode mudar o mundo… através do poder das histórias!

No âmbito do Plano de dinamização e promoção da leitura e da escrita a desenvolver pela Biblioteca Municipal, em colaboração com a Rede Concelhia de Bibliotecas Escolares, o Programa Transfronteiriço Interreg v-a entre Espanha e Portugal (POCTEP) 2014-2020. 1,2,3,4 redes.con, possibilitou esta partilha contagiante do gosto e do prazer de ler, na exploração das sonoridades e da musicalidade das palavras e das frases, na descoberta da pluralidade de sentidos, pela dramatização de universos narrativos de todos os tempos e contextos, constituindo-se este em mais um momento prazeroso ligado aos livros e à leitura que é, segundo Elsa Serra, “um exercício de intimidade e de magia.”

Os pequenos adoraram e os grandes também! Obrigada, Elsa Serra!

Read Full Post »

No dia 18 de abril a Biblioteca Municipal de Castelo Branco acolheu a Fase Municipal da 12ª edição do Concurso Nacional de Leitura. Participaram aproximadamente 4 dezenas de alunos do 1º, 2º, 3º ciclo e do Ensino Secundário dos Agrupamentos de Escolas do concelho de Castelo Branco. Os alunos participantes realizaram uma prova escrita seguida de uma prova oral, a partir de obras previamente selecionadas pelo júri, designadamente: “O soldadinho de chumbo”, de Hans Christian Andersen (1º ciclo); “O livro que falava com o vento e outros contos”, de José Jorge Letria (2º ciclo); “O caso do beco das sardinheiras”, de Mário de Carvalho (3º ciclo) e “O velho que lia romances de amor”, de Luís Sepúlveda (Ensino Secundário).

Ao júri, composto por Cláudia Cravo Jorge (Biblioteca Municipal); Pedro Rafael Gomes (coordenador interconcelhia da Rede de Bibliotecas Escolares) e Margarida Morgado (Professora na Escola Superior de Educação de Castelo Branco) coube a difícil tarefa de selecionar um vencedor por cada categoria (nível de ensino). De entre os alunos apurados que irão representar o município de Castelo Branco na Fase Intermunicipal que se realizará a 11 de maio na Biblioteca Municipal de Oleiros, o aluno Diogo Carrola do 9º2 do Agrupamento de Escolas Afonso de Paiva é o vencedor na categoria do 3º ciclo, cabendo ainda à aluna Maria Inês Roque do 6º2 o lugar de suplente na categoria do 2º ciclo.

CNL.18.04.2018

Todos os participantes receberam brindes e um Certificado de Participação e os vencedores um Diploma e um cheque vale em livros na Livraria A Mar Arte. A complementar esta iniciativa e num momento de narração de histórias esteve presente a sempre luminosa contadora de histórias Clara Haddad que encantou miúdos e graúdos.

A professora bibliotecária Carla Nunes destaca mais uma vez “a relevância deste concurso, este ano e pela primeira vez englobando todos os níveis de ensino, reforçando o propósito de dar a esta celebração da leitura e da expressão um caráter mais universal e significativo, demonstrando, em imagens e momentos de que são feitos estes concursos, o verdadeiro prazer de ler”, parabenizando expressivamente todos os participantes.

Aqui ficam alguns momentos:

Read Full Post »

FB_IMG_1524000882401

Read Full Post »

cartaz_cil2017_1fase

Na sexta edição deste concurso, uma iniciativa promovida pela rede interconcelhia de bibliotecas escolares dos concelhos de Castelo Branco e Vila Velha de Rodão, em parceria com as bibliotecas municipais dos referidos concelhos, com o apoio dos professores de português do 2º ciclo, a 1ª fase (intraescolar) do supracitado concurso de leitura e escrita decorrerá no próximo dia 11 de janeiro, quarta-feira.

As provas são realizadas nas salas 23, 24 e 25. Entre as 14.30h e as 15.30h será a prova de leitura e das 15.30h às 16.30h a prova de escrita. O tema para a prova de escrita que pode ter entre 150 a 200 palavras, é:

“Construíste uma máquina poderosíssima, à qual chamaste “Máquina para Salvar o Mundo”. Que máquina é essa? Como funciona? Como salvarias o mundo? Que novo mundo criarias?”

Prova de Leitura (30 questões de escolha múltipla e uma questão aberta)
5º ano (Graças e Desgraças da Corte d’el Rei Tadinho, de Alice Vieira)
6º ano (Rosa, minha irmã Rosa, de Alice Vieira)

 

Boa sorte a todos!

 

Read Full Post »

Numa iniciativa conjunta entre a Biblioteca Escolar Afonso de Paiva, os Professores de Português do 3º ciclo e a Biblioteca Municipal de Castelo Branco, as turmas de 8º ano do Agrupamento de Escolas Afonso de Paiva vão poder assistir hoje, pelas 12h, no auditório da BMCB, à representação de “Os Bichos”, de Miguel Torga, pela Companhia Profissional de Teatro AtrapalhArte, de Coimbra, numa leitura teatral que nos irá transportar para o universo desenhado por Torga em catorze contos, onde humanos e animais partilham características e também as vicissitudes da vida, colocando questões fundamentais sobre a sociedade e a própria existência.

os-bichos

Num registo a que esta Companhia já nos habituou, os nossos alunos irão seguir as atribulações e sentimentos de Tenório e Miura, o galo e o touro personificados por Miguel Torga nesta sua obra a par de outros animais.

Boas leitur@s!

Read Full Post »

E o dia de ontem, 9 de abril, foi o último dia da edição do Fronteira 2016, uma iniciativa da câmara municipal de Castelo Branco com produção executiva da Booktailors, também com a colaboração dos agrupamentos de escolas do concelho albicastrense.

10422351_711004675705870_3280755275583469721_n

12524249_711004795705858_6861062955617806478_n

12108855_700884630051208_6583350650337826038_n

Durante a tarde e na biblioteca municipal de Castelo Branco houve lugar a várias sessões de encontros com autores portugueses. Tito Couto (booktailors) moderou uma conversa com Nuno Camarneiro e Jacinto Lucas Pires, seguida do lançamento dos livros: «Desnorte», de Inês Pedrosa, e «Gramática do Medo», de Maria Manuel Viana e Patrícia Reis, durante uma animada conversa, moderada por Pedro Vieira (Booktailors). “Será o poeta um prosador com tiques de preguiça?” foi o mote da conversa entre José Eduardo Agualusa e Nuno Costa Santos para mais uma tertúlia literária. “Haverá escritores condenados ao desaparecimento nas próximas décadas?” –  Inês Pedrosa e Nuno Júdice deram o seu parecer, numa conversa com Pedro Vieira, sobre o expoente literário português mais recente e a devida elevação de alguns escritores portugueses.

 

O festival terminou pelas 21.30h, numa sessão de encerramento com uma “Missa mal dita” por Renato Filipe Cardoso, um espetáculo de poesia dita que homenageia os clássicos da poesia satírica e alguns textos contemporâneos num clima informal e de interação com o público, seguida de uma muita agradável presença de Luís Represas, moderada por Tito Couto que recordou momentos e canções dos Trovante e da sua própria obra e percurso artísticos, numa celebração da palavra e da poesia cantada.

10698555_700884796717858_2028089188647922792_n

Esperamos que o festival literário tenha vindo para ficar!

 

 

Read Full Post »

Older Posts »

Blogue do IILP

Promocão e difusão da língua portuguesa

Astrid Lindgren Memorial Award

The World's Largest Children's Literature Award

Universo Abierto

Blog de la biblioteca de Traducción y Documentación de la Universidad de Salamanca

MixLit

O DJ da literatura

abiblioterapeuta.wordpress.com/

A Biblioterapeuta: porque os livros curam.

Alerta Premika

um (re)encontro com o mundo dos livros...

Hafuboti

little bits of library goodness

Educação para a Sexualidade

Recursos para Jardim de Infância e Ensino Básico

TRANSMAGINAR

um (re)encontro com o mundo dos livros...

Cultura LIJ / ISSN 2545-6849-10

Revista de Cultura y Literatura Infantil y Juvenil - ISSN 2545-6849-10 Marzo 2018

Literacia de Informação

Da Informação ao conhecimento com a biblioteca escolar

%d bloggers like this: