Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘autores portugueses’

myhc_6268

Para saberes mais sobre um escritor português de quem gostas, ou se precisas fazer um trabalho escrito sobre algum, morto ou vivo, tens duas boas ligações em linha:

1. A Base de Dados de Autores Portugueses (Direcção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas), com cerca de 5000 autores. Espreita AQUI.

2. A Plataforma Escritores.Onlinecentrada em autores contemporâneos, com informação biobibliográfica, fotos, links para os sítios e blogues dos autores, excertos de obras, entrevistas, notícias e até vídeos. Espreita AQUI.

Anúncios

Read Full Post »

NunoMValente.22abril.2016

Nuno Matos Valente é natural de Lisboa, mas cresceu aqui na cidade de Castelo Branco, onde estudou e viveu a partir de 1980. É professor de Educação Visual desde 2002.

É coautor da coleção Segredos, autor de manuais escolares para o primeiro ciclo do ensino básico e autor da Coleção de Ficção Juvenil “A Ordem do Poço do Inferno”, publicado pelas Edições Escafandro, com ilustração de Joana Raimundo e que integram a lista de livros recomendados pelo Plano Nacional de Leitura. Podes ir até à biblioteca e ver a mostra de livros do autor.

A escrita do primeiro volume de “A Ordem do Poço do Inferno” foi em 2012 e, dois anos depois, deu continuidade às aventuras das personagens Leo, Xana, Ulisses e João em “O Tesouro do Califa”. O primeiro livro aborda a fundação do Mosteiro de Alcobaça e no segundo são abordados outros factos históricos, como a Batalha de Aljubarrota e os efeitos do terramoto de 1755 na cidade alcobacense.

E hoje, dia 22 de abril, como forma também de assinalar o Dia Mundial do Livro que se celebra amanhã, temos mais um escritor como convidado especial no nosso agrupamento que vai conversar com os alunos das turmas de 6º e 7º anos da nossa escola sobre o livro e, de forma muito especial, sobre o enredo desta sua coleção que tem por base a história de Alcobaça, mas onde podes encontrar indícios de uns certos túneis misteriosos que, dizem por aí, estão por baixo do nosso castelo albicastrense… assim como algumas referências a uma escola secundária onde o autor, Nuno Valente, estudou… Queres saber qual?… 😉 Nas páginas destas histórias podes ainda deliciar-te com com códigos QR e uma atividade curiosa e divertida chamada geocaching.  Vamos lá conversar com o Nuno!

 

Vai ser mais uma excelente conversa na nossa biblioteca!!

 

Read Full Post »

2016-04-10_172618

A Café com Letras é uma nova revista literária que acaba de chegar às bancas. Dirigida por Maria João Cantinho, a Café com Letras será distribuída mensalmente em Portugal, Brasil, Angola, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, S. Tomé e Príncipe, Cabo Verde, Moçambique e Timor.

A Café com Letras pode também ser visitada no sítio ou na página de facebook.

Read Full Post »

E o dia de ontem, 9 de abril, foi o último dia da edição do Fronteira 2016, uma iniciativa da câmara municipal de Castelo Branco com produção executiva da Booktailors, também com a colaboração dos agrupamentos de escolas do concelho albicastrense.

10422351_711004675705870_3280755275583469721_n

12524249_711004795705858_6861062955617806478_n

12108855_700884630051208_6583350650337826038_n

Durante a tarde e na biblioteca municipal de Castelo Branco houve lugar a várias sessões de encontros com autores portugueses. Tito Couto (booktailors) moderou uma conversa com Nuno Camarneiro e Jacinto Lucas Pires, seguida do lançamento dos livros: «Desnorte», de Inês Pedrosa, e «Gramática do Medo», de Maria Manuel Viana e Patrícia Reis, durante uma animada conversa, moderada por Pedro Vieira (Booktailors). “Será o poeta um prosador com tiques de preguiça?” foi o mote da conversa entre José Eduardo Agualusa e Nuno Costa Santos para mais uma tertúlia literária. “Haverá escritores condenados ao desaparecimento nas próximas décadas?” –  Inês Pedrosa e Nuno Júdice deram o seu parecer, numa conversa com Pedro Vieira, sobre o expoente literário português mais recente e a devida elevação de alguns escritores portugueses.

 

O festival terminou pelas 21.30h, numa sessão de encerramento com uma “Missa mal dita” por Renato Filipe Cardoso, um espetáculo de poesia dita que homenageia os clássicos da poesia satírica e alguns textos contemporâneos num clima informal e de interação com o público, seguida de uma muita agradável presença de Luís Represas, moderada por Tito Couto que recordou momentos e canções dos Trovante e da sua própria obra e percurso artísticos, numa celebração da palavra e da poesia cantada.

10698555_700884796717858_2028089188647922792_n

Esperamos que o festival literário tenha vindo para ficar!

 

 

Read Full Post »

E hoje, sexta-feira, dia 8 de abril, o dia começou com a visita de escritores e ilustradores a algumas escolas do concelho de Castelo Branco.

Carlos Alberto Moniz, José Dias Pires, Luís Afonso, Luís Diogo, Madalena Moniz, Manuel Costa Alves e Sebastião Peixoto estiveram à conversa com alunos de vários graus de ensino, num ambiente descontraído e informal, a partilhar o seu trabalho e as suas experiências sob o tema «Vemos, ouvimos e lemos — as mil e uma maneiras de cruzar a fronteira das histórias». No Agrupamento Afonso de Paiva cerca de uma centena de alunos do 2º ciclo conversaram e apreciaram as belas ilustrações feitas pelo nosso convidado bracarense, Sebastião Peixoto.

 

Mais tarde, pelas 18h, Manuel Alegre, poeta e prosador incontornável no panorama literário português, estará presente na Biblioteca Municipal de Castelo Branco, para uma conversa com Tito Couto sobre os momentos mais marcantes da sua vida e obra literária.

 

MAlegre

Read Full Post »

poetasalbicastrenses

E tem início hoje, dia 7 de abril, a quarta edição do Festival Literário de Castelo Branco, este ano sob o mote: As Fronteiras da Prosa e da Poesia.

A sessão inaugural é às 21.30h, na Biblioteca Municipal de Castelo Branco e conta com uma homenagem ao poeta albicastrense João Roíz de Castel-Branco, protagonizada pelo Grupo Teatral Váatão. Segue-se uma sessão de poesia, apresentada por José Dias Pires e dita por poetas naturais do concelho: António Salvado, João de Sousa Teixeira, Luís Diogo e Manuel Costa Alves.

 

Read Full Post »

12705646_691593667646971_918881688533535555_n

Apresentado no dia 18 de março, no Salão Nobre da Câmara Municipal de Castelo Branco, com a presença vibrante do nosso Clube de Leitur@s, com uma “Roda de Poemas”, o festival tem este ano como tema “As Fronteiras da Prosa e da Poesia” e começa já esta quinta-feira, 7 de abril, com uma homenagem a João Roiz de Castel-Branco, pelo Teatro Váatão de Castelo Branco, com exposições, a partir de 8 de abril, de painéis elaborados pelos agrupamentos de escolas da cidade, a partir do poema de João Roiz  “Cantiga sua partindo-se”.

Mais de 20 nomes ligados às artes vão marcar presença em Castelo Branco de 7 a 9 de abril, no Fronteira 2016, uma iniciativa da Câmara Municipal de Castelo Branco com produção executiva da Booktailors.

Esta 4ª edição do Fronteira conta com Alice Vieira, Inês Pedrosa, Jacinto Lucas Pires, Manuel Alegre, Maria Manuel Viana e José Eduardo Agualusa que regressa à cidade depois de em agosto do ano passado ter estado no Cine Teatro Avenida, no âmbito da iniciativa Viagem Literária. A região albicastrense também está representada com os convites a António Salvado, João de Sousa Teixeira ou Manuel Costa Alves.

O programa conta com visitas dos escritores às escolas e na próxima sexta-feira de manhã o ilustrador Sebastião Peixoto irá estar no nosso agrupamento. Para o final do dia 8 de abril está marcada uma sessão especial com Manuel Alegre e no dia 9 vão estar em Castelo Branco Alice Vieira e Jacinto Lucas Pires. Maria Manuel Viana e Patrícia Reis apresentam no mesmo dia o livro “Gramática do Medo” e Inês Pedrosa “Desnorte”.

José Eduardo Agualusa, Matilde Campilho, Inês Pedrosa e Nuno Júdice são os nomes sonantes do encerramento da edição deste ano do festival, que termina com uma sessão especial com o músico Luís Represas, que revisita 40 anos de carreira.

 

Read Full Post »

Older Posts »

Pegada-de-papel

Blogue das Bibliotecas do Agrupamento de Escolas Martim de Freitas

Bibliotecas são Comunidades

As bibliotecas são Comunidades

Cinema Sem Conflitos

Prevenção e mediação de conflitos em contexto educativo

O Cão Leitor

Livros, Literacia e Literatura para crianças

A23 EDIÇÕES

A fine WordPress.com site

Anna Llenas

autora e ilustradora de libros

EUROLIS

Resources for librarians

Bestiário Tradicional Português

Primeira compilação ilustrada de criaturas míticas do folclore nacional

Figuras da Ficção

Investigação, ensino e debate sobre a teoria da narrativa e sobre a personagem ficcional

CAFÉ COM LETRAS

Revista de literatura lusófona

Universo Abierto

Blog de la biblioteca de Traducción y Documentación de la Universidad de Salamanca

Ilse Losa

(re)descobrindo os seus livros - homenagem no ano do centenário do seu nascimento

Ferramentas Web, Web 2.0 e Software Livre em EVT

estudo sobre a integração curricular de ferramentas digitais em EVT | por jOsÉ aLbErTo rOdRiGuEs

e-portefólio pnep

Victor Marques

%d bloggers like this: