Feeds:
Artigos
Comentários

Posts Tagged ‘as gravatas do meu pai’

Pedro Seromenho foi o autor convidado pela biblioteca escolar Afonso de Paiva, com a cooperação ativa dos educadores e professores envolvidos, para um encontro realizado no passado dia 12 de fevereiro, na semana do amor na biblioteca, com os alunos do pré-escolar e 1º ciclo das escolas de Castelo, Salgueiro do Campo, Sarzedas e S. Tiago, do agrupamento de escolas Afonso de Paiva. Um encontro descontraído como é apanágio das apresentações do escritor e ilustrador bracarense que estabelece uma interação muito forte com o público, dramatizando os seus textos e ilustrando alguns dos momentos mais marcantes, numa dinâmica muito apreciada por miúdos e graúdos que se encantaram com o extraordinário poder de comunicação, simpatia e jovialidade do autor. Foi uma plateia muito “engravatada”, que recebeu as palavras carregadas de sonoridade do autor, acompanhadas de uma caneta mágica que criou personagens e locais fantásticos, recheados de magia!…

DSC04027IMG_6313

“As gravatas do meu Pai” foi o título escolhido para a apresentação do escritor, inspirado nas gravatas do pai e na gravata que teve de usar enquanto economista, a sua formação inicial, numa vida que não o preenchia. Até que um dia… decidiu ‘desatar o nó’ para se dedicar exclusivamente à escrita e à ilustração dos seus livros.

“O livro é uma metáfora. Ser menino e sonhar em usar gravata é ficarmos adultos mais cedo, tornar a vida mais sombria e cinzenta e esquecer os sonhos que um dia tivemos. Nesta história, as gravatas são máscaras que em vez de taparem a cara, tapam o peito. É uma homenagem aos pais e, ao mesmo tempo, servem para nos fazer pensar nesses sonhos que tínhamos e que gostávamos de concretizar”. Pedro Seromenho acrescentou ainda que se sente um privilegiado por poder fazer aquilo que o apaixona.

image

No final das sessões, o autor ofereceu um desenho numa dedicatória muito personalizada nos livros dos alunos e as ilustrações que realizou durante o encontro, que vão agora ficar nas nossas bibliotecas e, quem sabe, servir de inspiração para “desatar nós”!

As gravatas e a visita do autor foram igualmente a fonte de inspiração para os alunos das turmas do 6º1 e 6º3 e da Oficina de Artes, nos agraciarem com 2 magníficos retratos do escritor e muitas borboletinhas e gravatinhas, espalhadas nos diversos trabalhos expostos no auditório e em marcadores de livros especiais para a ocasião, com a oferta simbólica de um ao autor convidado.

Muitas foram ainda as leituras feitas e os trabalhos plásticos e de escrita realizadas pelos alunos com as professoras em sala de aula, após as sessões de mediação de leitura realizadas pela professora bibliotecária, a partir dos livros Porque é que os animais não conduzem? do autor e A grande fábrica de palavras da editora Paleta de Letras, propriedade do escritor.

Foi mais um contributo de novas dinâmicas no tempo de aprendizagem, promovido pela biblioteca escolar, empenhada na educação linguística e literária dos alunos, com o conhecimento de escritores e ilustradores e das suas obras e com a promoção do livro, da leitura, da escrita e da arte da ilustração, mostrando que um encontro de autor é uma mais valia e um momento único para mais tarde recordar.

DSC04010 DSC04052 DSC04058

IMG_6352

Anúncios

Read Full Post »

Astrid Lindgren Memorial Award

The World's Largest Children's Literature Award

Universo Abierto

Blog de la biblioteca de Traducción y Documentación de la Universidad de Salamanca

MixLit

O DJ da literatura

abiblioterapeuta.wordpress.com/

A Biblioterapeuta: porque os livros curam.

Alerta Premika

um (re)encontro com o mundo dos livros...

Hafuboti

little bits of library goodness

Educação para a Sexualidade

Recursos para Jardim de Infância e Ensino Básico

TRANSMAGINAR

um (re)encontro com o mundo dos livros...

Cultura LIJ / ISSN 2545-6849-10

Revista de Cultura y Literatura Infantil y Juvenil - ISSN 2545-6849-10 Marzo 2018

Literacia de Informação

Da Informação ao conhecimento com a biblioteca escolar

%d bloggers like this: