Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for the ‘PNL’ Category

cartaz.CNL.2017.2018

A 12.ª edição do Concurso Nacional de Leitura [CNL] vai cumprir-se entre o dia 20 de
novembro de 2017, data oficial de abertura, e o dia 10 de junho, data de celebração da língua portuguesa, cabendo ao Plano Nacional de Leitura 2027 a organização geral do CNL e o controlo do seu desenvolvimento, ao longo de duas fases consecutivas, a primeira regional e a segunda nacional.

Reafirma-se a intenção de alcançar resultados específicos de promoção da leitura e da escrita junto da população escolar, alargando, na atual edição, o universo de ação a todos os níveis de ensino básico e secundário, passando a ser dirigido aos alunos do 1º, 2º e 3º ciclos do ensino básico e aos alunos do ensino secundário.

O Agrupamento de Escolas Afonso de Paiva participará nesta edição com alunos dos 2º e 3º ciclos do ensino básico, numa colaboração entre a professora bibliotecária e os professores de português do 2º e 3º ciclos. O 1º momento decorrerá entre 8 de dezembro e 16 de fevereiro, com sessões de apresentação/ motivação para a participação e para as obras de leitura no âmbito do concurso com todas as turmas dos 2 ciclos de ensino e com a realização das provas, para apuramento para a fase nacional de 2 vencedores por ciclo do agrupamento.

Todas as informações sobre esta iniciativa podem ser lidas e consultadas AQUI.

Anúncios

Read Full Post »

IIEnCont(r)OsNatal.2017

O desenvolvimento das capacidades linguísticas da criança é um dos principais benefícios da leitura em voz alta. Ler em voz alta contribui igualmente para o desenvolvimento emocional da criança, ajudando a desenvolver e a conhecer as suas emoções. Expande e enriquece o vocabulário, melhorando igualmente a sua capacidade de expressão e comunicação. Vários são os estudos que confirmam que as crianças habituadas a ouvir ler em voz alta desde cedo, estão mais preparadas para desenvolver as suas capacidades de aprendizagem e, simultaneamente, desenvolvem o gosto e hábitos de leitura.

 

Com base nestes pressupostos e na sequência destes encontros de leitura em voz alta iniciados no Natal de 2016, apresentamos pelo 2º ano consecutivo esta atividade de leitura intitulada II EnCont(R)Os de Natal: Canela e Pinho no Avental destinada aos alunos do pré-escolar e 1º ciclo do agrupamento de escolas Afonso de Paiva.

As sessões multissensoriais de leitura em voz alta decorrerão entre 12 e 14 de dezembro na biblioteca escolar S. Tiago e serão orientadas pela educadora Maria da Luz Lopes e pela professora bibliotecária Carla Nunes, a partir de uma instalação temática alusiva ao Natal, com cheiros, sons e experiências de toda uma recriação de ambiente natalício, com leituras em voz alta a partir de livros de Alexandre Lobão, Anu Stohner, Benoît Debecker, Clara Cunha e Luísa Ducla Soares.

 

 

Read Full Post »

dia-mundial-alimentacao-det_m_m

A Direção-Geral da Saúde (DGS), a Rede de Bibliotecas Escolares (RBE), o Plano Nacional de Leitura (PNL) e a Ordem dos Médicos Dentistas (OMD), através do Projeto SOBE (Saúde Oral Bibliotecas Escolares) assinalam este dia com a edição de 9000 cartazes apelativos e alusivos à relação entre a saúde oral e a alimentação. Os cartazes serão distribuídos pelas bibliotecas da Rede de Bibliotecas Escolares, escolas, unidades de saúde do Serviço Nacional de Saúde, consultórios dentários, entre outros locais. Também estarão disponíveis para download nos sites do SOBE, da RBE e da DGS.

Em Portugal existem cerca de 1 milhão de portugueses com obesidade, muitos dos quais sofrem de cárie dentária, doença oral mais prevalente entre as crianças e os jovens.

O consumo regular de alimentos e bebidas com açúcar e a higiene oral pouco cuidada são exemplos de práticas diárias com grande influência no aparecimento de obesidade e de doença oral. Por sua vez, os problemas dentários poderão impedir o consumo de alguns alimentos protetores da doença, como as frutas, os hortícolas ou os cereais integrais.

A educação para um consumo alimentar saudável e adequado às necessidades de cada pessoa, as recomendações alimentares para reduzir o risco de cárie dentária bem como as recomendações relacionadas com a higiene oral podem e devem ser trabalhados por profissionais de diferentes áreas, de forma integrada, contribuindo também para a prevenção de doenças crónicas como a obesidade, a diabetes tipo 2 ou doenças cardiovasculares.

Ler+

Links:

Read Full Post »

As Metas Curriculares de Português do Ensino Básico visam melhorar a qualidade do ensino e da aprendizagem através de uma cultura de rigor e de excelência desde o Ensino Básico. O 1.º Ciclo do Ensino Básico constitui-se como uma etapa fundamental no percurso escolar dos alunos e surgem como domínios da disciplina de Português, nas suas dimensões linguística e cultural, a Oralidade, a Leitura e a Escrita, a Educação Literária e a Gramática.

 

Passada a fase inicial de aprendizagem da leitura e da escrita, o ensino incide no desenvolvimento da fluência de leitura (nas suas vertentes da velocidade, da precisão e da prosódia), no alargamento do vocabulário, na compreensão da leitura, na progressiva organização e produção de texto, onde surge o domínio da Educação Literária (nos dois primeiros anos de escolaridade, denominado Iniciação à Educação Literária) que vem dar mais consistência e sentido ao ensino da língua, fortalecendo a associação curricular da formação de leitores com a matriz cultural e de cidadania. Ouvir ler e ler textos de literatura infantojuvenil é um percurso que conduz ao objetivo prioritário de compreensão de textos e é um estímulo à apreciação estética. O contacto com textos literários, portugueses e estrangeiros, em prosa e em verso, de distintos géneros, e com textos do património oral português, amplia o espetro de leituras e favorece a interação discursiva e o enriquecimento da comunicação. Especificamente para o domínio da Educação Literária, foi feita uma seleção a nível nacional de obras e textos literários para leitura anual, válida para o 1.º Ciclo, e foram, neste domínio, definidos sete títulos por ano de escolaridade, complementados com a promoção da leitura autónoma, para a qual se encontram indicadas as listagens do Plano Nacional de Leitura (PNL), garantindo a manutenção da escolha pessoal feita pelos alunos, sob orientação do professor e do professor bibliotecário.

 

Por forma a garantir um maior e melhor contacto com a diversidade de obras, géneros e autores e levar os alunos a um conhecimento e compreensão mais alargados das diferentes obras no âmbito das metas curriculares de português, complementando e articulando o trabalho curricular com a sala de aula, a biblioteca escolar Afonso de Paiva, mais especificamente, a professora bibliotecária Carla Nunes e a educadora Maria da Luz Lopes, lançaram um novo projeto de educação literária: “(Re)contar as Metas”. O projeto consiste em promover a mediação de leitura de obras definidas nas metas curriculares de português para o 1º ciclo, numa triagem feita pelos professores titulares das turmas, junto de todos os alunos dos 4 anos de escolaridade de todas as escolas do 1º ciclo do agrupamento de escolas Afonso de Paiva.

 

 

O projeto já começou e a primeira obra (re)contada foi “Uma Flor Chamada Maria” de Alves Redol, proposta para o 2º ano de escolaridade. As sessões de mediação leitora já começaram e as turmas de 2º ano das escolas de S. Tiago e Afonso de Paiva já conheceram a Maria… ou terá sido a Flor? Vamos lá ler para descobrir!…

Read Full Post »

2015-10-22_123032

2015-10-22_123047

 

Mais informações sobre a história, o filme e o passatempo AQUI.

Read Full Post »

saramago

Este concurso é uma iniciativa do Plano Nacional de Leitura em articulação com a Fundação José Saramago, a Rede de Bibliotecas Escolares, o Camões IP e a Porto Editora que, nesta edição, será extensiva às escolas da Ilha de Lanzarote, nas Canárias, como forma de reforçar as relações culturais e literárias entre os dois povos da Península que marcaram, significativamente, uma parte da vida de Saramago.

Trata-se de um desafio à criatividade dos jovens autores que querem ousar uma experiência de escrita específica, através da criação de um conto.

Em 2014 | 2015 o concurso tem como fundo inspirador a obra “Memorial do Convento”, de José Saramago e conta com  a participação das instituições culturais, educativas e administrativas de Mafra, com quem se prevê organizar uma cerimónia de entrega de prémios, digna deste nosso autor maior, do espaço histórico onde a ação da obra decorre e do seu monumento emblemático.

CALENDÁRIO:

Envio dos trabalhos: até 22 de maio de 2015 

Avaliação dos trabalhos: até 17 de junho de 2015

Divulgação dos vencedores: 18 de junho de 2015

Os trabalhos a concurso devem ser enviados por email para o Plano Nacional de Leitura, em  FORMULÁRIO próprio, anexo à mensagem.

Para mais informações consultem o REGULAMENTO.

Read Full Post »

E os vencedores desta 1ª fase são…

Vencedores_CNL_1fase

MUITOS PARABÉNS!!!

DSC03805

Read Full Post »

Older Posts »

Literacia de Informação

Da Informação ao conhecimento com a biblioteca escolar

Hipermediaciones

Conversaciones sobre la comunicación digital interactiva

Amora negra

Página do escritor e contador de histórias Carlos Alberto Silva

A maioria das pessoas que caminhem atrás de mim serão crianças, por isso manterei os passos curtos." Hans Christian Andersen

BECRE-AEPM

Biblioteca Escolar / Centro de Recursos Educativos do Agrupamento de Porto de Mós

Pegada-de-papel

Blogue das Bibliotecas do Agrupamento de Escolas Martim de Freitas

Bibliotecas são Comunidades

As bibliotecas são Comunidades

Cinema Sem Conflitos

Prevenção e mediação de conflitos em contexto educativo

O Cão Leitor

Livros, Literacia e Literatura para crianças

A23 EDIÇÕES

A fine WordPress.com site

Anna Llenas

autora e ilustradora de libros

%d bloggers like this: