Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for the ‘Escola’ Category

Um dia inteiro para refletir sobre a implementação do Perfil dos Alunos no final da escolaridade obrigatória.

A ideia, segundo o ministério, foi colocar às escolas o desafio de por um dia suspenderem a rotina diária e organizarem um momento para reflexão e trabalho em torno do Perfil dos Alunos. O perfil é “uma matriz comum para todas as escolas” e vertentes de ensino que define os valores, competências e princípios que devem orientar a aprendizagem. O dia 15 de janeiro é apenas um dia, marcando um debate que se pretende de âmbito nacional.

De forma a apoiar as dinâmicas que se venham a criar nas escolas em torno da reflexão sobre o Perfil dos Alunos à saída da escolaridade obrigatória e das suas implicações práticas na vida das escolas, a Rede de Bibliotecas Escolares apresenta algumas propostas de atividades.

O espaço de videodifusão da Conferência Nacional “Dia do Perfil dos Alunos” encontra-se AQUI e será transmitida a partir das 09:45h, do dia 15 de janeiro.

A Biblioteca Escolar Afonso de Paiva, empenhada no debate de ideias convida a comunidade escolar a assistir  em direto a este evento, com o seguinte programa:

09h45
RECEÇÃO E VISITA AO ESPAÇO EXPOSITIVO

10h15
BOAS-VINDAS

INTERVENÇÃO
Ministro da Educação
Presidente da FNAEBS
Escola Secundária Dom Sancho II, Elvas (ligação por videoconferência)

10h45
PAINEL

12h00
ENCERRAMENTO

Anúncios

Read Full Post »

Click to play this Smilebox slideshow
Create your own slideshow - Powered by Smilebox
A Biblioteca Escolar S. Tiago promoveu a 2ª edição dos encontros de leitura em voz alta iniciados no Natal de 2016, intitulada II EnCont(R)Os de Natal: Canela e Pinho no Avental, tendo como principais destinatários os alunos do pré-escolar e 1º ciclo do agrupamento de escolas Afonso de Paiva.
As dez sessões multissensoriais de leitura em voz alta decorreram entre os dias 12 e 14 de dezembro na biblioteca escolar S. Tiago, abrangendo aproximadamente 200 alunos, foram orientadas pela educadora Maria da Luz Lopes e pela professora bibliotecária Carla Nunes, a partir de uma instalação temática alusiva ao Natal, com imagens, cheiros, sons, sensações e experiências de toda uma recriação de ambiente natalício, com leituras em voz alta a partir dos livros de Alexandre Lobão, Anu Stohner, Benoît Debecker, Clara Cunha e Luísa Ducla Soares.
O desenvolvimento das capacidades linguísticas da criança é um dos principais benefícios da leitura em voz alta. Ler em voz alta contribui igualmente para o desenvolvimento emocional da criança, ajudando a desenvolver e a conhecer as suas emoções, expandindo e enriquecendo o vocabulário, melhorando igualmente a capacidade de expressão e comunicação. O foco do trabalho da equipa das bibliotecas escolares Afonso de Paiva está na promoção da leitura e do livro, na criação e manutenção de leitores, apostando igualmente no desenvolvimento das capacidades multiliterácitas e de aprendizagem.

31

 

Read Full Post »

cartazmibe.2017

O tema para outubro – Mês Internacional das Bibliotecas Escolares é: “Ligando Comunidades e Culturas“. Baseia-se no tema anual da conferência IASL (International Association of School Librarianship) sobre “Aprender sem fronteiras”. Este ano estamos concentrados na ideia de que o ISLM conecta comunidades (comunidades de aprendizagem de todos os tipos e as nossas próprias comunidades sociais) e culturas ao redor do mundo enquanto compartilhamos o nosso amor pelas bibliotecas escolares e mostramos algumas das atividades maravilhosas que se realizam nas bibliotecas do agrupamento de escolas Afonso de Paiva.

Em outubro vamos planear, organizar, apoiar, desenhar, pintar, ler, escrever, contar, animar e inaugurar este mês das bibliotecas escolares com os nossos alunos e professores, desde o pré-escolar ao 3º ciclo do ensino básico e várias serão as atividades. Desde sessões de formação do(s) utilizador(es) das bibliotecas, para os alunos do 1º e 5º anos, sessões de animação e mediação leitora, no âmbito da 9ª edição do projeto Itinerâncias “Malas com Rodas Cheias de Histórias”, com livros e histórias para os alunos do pré-escolar e 1º ciclo do agrupamento que não dispõem de espaço físico de biblioteca nas suas unidades orgânicas, numa parceria com a biblioteca municipal de Castelo Branco, passando pelo encontro com o autor Nuno Matos Valente, para alunos do 1º e 2º ciclos, a participação na 8ª edição da Troca Internacional de Marcadores de Livros, com os alunos dos 8º anos, numa iniciativa da IASL e a celebração da festividade Halloween, com a sempre muita entusiasmante e “arrepiante” animação de leitura, decoração alusiva e montras de livros, nas bibliotecas Afonso de Paiva e S. Tiago e o já tradicional e muito participado Concurso de Halloween, este ano sob o tema “Mascotes de Piratas”, destinado a todos os alunos e famílias do agrupamento.

O ponto alto deste mês está destinado ao dia 23 de outubro, dia da biblioteca escolar, com a apresentação/ visionamento do vídeo “Apanhados a Ler” que acontecerá nas bibliotecas escolares Afonso de Paiva e S. Tiago, assinalando desta forma uma data que marca as ligações entre as bibliotecas escolares e as comunidades.

 

 

Read Full Post »

A Revolução de 25 de Abril, também referida como Revolução dos Cravos, refere-se a um período da história de Portugal resultante de um movimento social, ocorrido a 25 de abril de 1974, que depôs o regime ditatorial do Estado Novo, vigente desde 1933 e iniciou um processo que viria a terminar com a implantação de um regime democrático e com a entrada em vigor da nova Constituição a 25 de abril de 1976, o mesmo dia das primeiras eleições legislativas da nova República. Na sequência destes eventos foi instituído em Portugal um feriado nacional no dia 25 de Abril, denominado como “Dia da Liberdade”.

E para assinalar este marco histórico nacional, a Biblioteca Escolar em estreita articulação e colaboração com os Professores de História e Geografia de Portugal (HGP) e de Educação Visual e Tecnológica (EVT) do 2º ciclo, realizaram uma exposição de trabalhos no átrio principal da escola básica Afonso de Paiva, onde toda a comunidade educativa pôde apreciar uma coleção de cartazes alusivos ao 25 de Abril, fruto de um concurso proposto aos alunos, bem como uma amostra de artefactos e cravos vermelhos, construídos pelos alunos em Oficina de Artes e nas aulas de EVT.

Os alunos das seis turmas de 5º ano, num total aproximado de 150 alunos assistiram ainda a sessões de animação e mediação leitura, promovidas pela Professora Bibliotecária, sob o mote “A revolução das letras”. As sessões, desenhadas a partir do livro de Vergílio Alberto Vieira, consistiram numa mostra bibliográfica de títulos em diferentes suportes existentes na biblioteca escolar, alusivos a esta temática, seguindo-se uma leitura expressiva dramatizada em StoryBook Theater do livro “A revolução das letras”, finalizando com um animado jogo de caça ao erro, a partir de 2 imagens das primeiras eleições livres em Portugal após o 25 de Abril.

Esta foi mais uma atividade no âmbito da leitura e das literacias promovida colaborativa e articuladamente pela biblioteca, proporcionando aos alunos que vivenciem pela literatura situações reais, participando nelas ativamente, mobilizando conhecimentos e desenvolvendo as suas aprendizagens, permitindo ainda que percebam a função social que a leitura ocupa na vida humana. Noutras palavras, a literatura deve fazer parte da vida da criança, sendo premente e fundamental que esse processo seja iniciado, desenvolvido e aprofundado na escola, de forma provocada, intencional, em que as situações de contacto com a literatura sejam criadoras de novas necessidades de ler, de conhecer, de expressão e de prazer por meio da relação dialógica que se estabelece com os livros e com a leitura, sendo este um dos primeiros e principais objetivos da biblioteca escolar.

 

 

Read Full Post »

O encontro dos alunos de 1º ciclo das Escolas Básicas do Castelo, Mina, Salgueiro do Campo e Sarzedas com o escritor João Pedro Mésseder e com a ilustradora Rachel Caiano está marcado entre as 10.30h e as 12h no auditório.

Os alunos estarão à conversa com estes dois autores, recentemente galardoados com o Prémio SPA (Sociedade Portuguesa de Autores) “Melhor Livro Infantojuvenil” com “De umas coisas nascem outras” (Caminho), encerrando desta forma esta 11ª edição da Semana da Leitura no Agrupamento de Escolas Afonso de Paiva.

 

 

Do programa de hoje, dia 31 de março e no âmbito da quinta edição do Fronteira – Festival Literário de Castelo Branco, irão igualmente visitar o nosso Agrupamento as escritoras Joana Bértholo e Clara Cunha. Num ambiente informal e descontraído, as autoras irão partilhar as suas experiência e responder às questões dos mais novos. As sessões decorrerão no auditório e entre as 9h e as 10h será a vez de Joana Bértholo conversar com alunos do 3º ciclo (7º e 8º anos). De tarde, entre as 14.30h e as 16h,  Clara Cunha irá estar à conversa com alunos do 1º ciclo (1º e 2º anos da EB Afonso de Paiva).

 

OBRIGADA A TODOS aqueles que, de uma forma ou de outra, tornaram esta Semana da Leitura numa festa das LETRAS, das PALAVRAS, das HISTÓRIAS, dos LIVROS, dos AUTORES, das ARTES e, acima de tudo, num imenso prazer: O PRAZER DE LER!

Read Full Post »

E hoje continua a festa das palavras e dos livros no Agrupamento Afonso de Paiva, nesta 11ª edição da Semana da Leitura que hoje, dia 27 de março, tem na sua agenda 2 sessões matinais da iniciativa “Contar as Metas” da Editora Asa, parceira nesta semana da leitura, onde cerca de uma centena de alunos do 5º e do 6º ano vão poder ouvir e escutar as obras “O Limpa-palavras” de Álvaro Magalhães e “Os Piratas” de Manuel António Pina cantadas e (re)contadas pelo convidado Sandro William Junqueira e ainda um Encontro de Autor de tarde com aproximadamente 120 alunos do 1º ciclo (3º e 4º anos das escolas Afonso de Paiva e S. Tiago) com o multifacetado escritor Sandro William Junqueira.

São muitas as perguntas e muitas serão as histórias que o Sandro Junqueira tem para nos contar e muitos são também os alunos do Agrupamento de Escolas Afonso de Paiva e os seus professores que, muito entusiasmados, o esperam para o ouvir e com ele conversar, nos encontros de hoje, dando assim continuidade a esta grande festa dos livros e dos seus leitores: a semana da leitura, este ano sob o tema: “O prazer de ler”

Estimado amigo Sandro William Junqueira, vai ser mesmo um prazer! Até já!

cartaz.Junqueira

Read Full Post »

A Biblioteca Escolar Afonso de Paiva coloca em destaque a importância da literacia nesta era da informação e num mundo em constante mudança. A exigência da capacidade de fazer uso social da leitura e da escrita, refletir e desenvolver um pensamento crítico, processar, sintetizar e saber avaliar uma dada informação é fundamental tanto para ter sucesso na vida escolar, como na vida profissional ou social. Intrinsecamente relacionada com as competências em literacia está a capacidade efetiva de compreender, refletir e interpretar um texto a partir do desenvolvimento ajustado de capacidades cognitivas e metacognitivas (Giasson, 2000; Snow, 2002). Ler possibilita o desenvolvimento das estruturas linguísticas, cognitivas, culturais e afetivas e possibilita-nos ainda a evasão, a descoberta de outros espaços, tempos, mundos e outras vidas, permite-nos vivenciar experiências gratificantes, compreender melhor o mundo, desenvolver estruturas afetivas a partir da identificação com personagens, sentimentos, problemas ou perspetivas. Permite-nos igualmente um maior desenvolvimento social, pela compreensão dos outros, alargar conhecimentos, aceder ao saber, desenvolver competências de leituras para outras leituras e como ferramenta de comunicação, mobilizando diferentes estratégias que facilitam a compreensão leitora.

Considerando que os leitores são, em primeira instância, construção da escola, e, incontornavelmente, das bibliotecas escolares, é justamente nesse espaço que se constroem e formam, em maior escala, comunidades de leitores e se propicia o desenvolvimento das competências de literacia, tornando-se fundamental centrar nas bibliotecas escolares e nas conceções e práticas dos professores a atenção nos processos usados para construir e reconstruir os sentidos dos textos, propiciar competências de leitura, visando a formação de leitores autónomos, leitores capazes de interagir com materiais escritos de diversos géneros e em diversos suportes para, a partir deles, construírem conhecimento.

cil-fase1-1

São estas as premissas que levaram a rede interconcelhia de bibliotecas escolares dos concelhos de Castelo Branco e Vila Velha de Ródão, em parceria com as respetivas bibliotecas municipais e em colaboração com os professores de português do 2º ciclo dos diferentes agrupamentos de escolas, à realização da 6ª edição do Concurso Interconcelhio de Leitura e Escrita do 2º ciclo. Nesta 1ª fase, em seleção de obras/ textos da responsabilidade de cada agrupamento, são apurados, por agrupamento, 2 finalistas por cada ano, 5º e 6º, respetivamente, no caso da prova de leitura e 2 alunos no caso da prova escrita, ao nível do 2º ciclo.

No Agrupamento de Escolas Afonso de Paiva as obras selecionadas para a prova de leitura foram “Graças e Desgraças da Corte d’el Rei Tadinho” para o 5º ano e “Rosa, minha irmã Rosa” para o 6º ano, ambas de Alice Vieira. De entre cerca de seis dezenas de participantes, das doze turmas de 2º ciclo do agrupamento, na prova de leitura foram apurados os alunos: Mariana Lourenço (5º5), Raquel Luís (5º5), Miguel Gama (6º1), Rita Pires (6º3). Na prova de escrita foram finalistas as alunas: Lara Barata (5º6) e Maria Inês Calmeiro (6º1). A 2ª fase, final deste concurso, será realizada em março, na semana da leitura, onde os finalistas das sete escolas envolvidas irão disputar os títulos de Campeões Interconcelhios de Leitura e de Escrita.

cil-1fase-2017

A ler e a escrever ninguém sai a perder!

Boa sorte para os nossos vencedores e parabéns a todos os participantes!

Um pequeno vídeo para recordar:

Read Full Post »

Older Posts »

Literacia de Informação

Da Informação ao conhecimento com a biblioteca escolar

Hipermediaciones

Conversaciones sobre la comunicación digital interactiva

Amora negra

Página do escritor e contador de histórias Carlos Alberto Silva

A maioria das pessoas que caminhem atrás de mim serão crianças, por isso manterei os passos curtos." Hans Christian Andersen

BECRE-AEPM

Biblioteca Escolar / Centro de Recursos Educativos do Agrupamento de Porto de Mós

Pegada-de-papel

Blogue das Bibliotecas do Agrupamento de Escolas Martim de Freitas

Bibliotecas são Comunidades

As bibliotecas são Comunidades

Cinema Sem Conflitos

Prevenção e mediação de conflitos em contexto educativo

O Cão Leitor

Livros, Literacia e Literatura para crianças

A23 EDIÇÕES

A fine WordPress.com site

Anna Llenas

autora e ilustradora de libros

%d bloggers like this: