Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for the ‘Efemérides’ Category

Apresentação1

 

Este ano,  o Dia Mundial do Livro associa-se às comemorações dos 150 Anos da Abolição da Pena de Morte em Portugal.

A data de 23 de abril para assinalar o dia do livro foi escolhida com base na tradição catalã segundo a qual, neste dia, os cavaleiros oferecem às suas damas uma rosa vermelha de S. Jorge, e recebem em troca um livro, testemunho das aventuras do heroico cavaleiro. Em simultâneo, é prestada homenagem à obra de grandes escritores, como Shakespeare e Cervantes, falecidos em abril de 1616.

Em 2017, e porque se comemoram os 150 Anos da Abolição da Pena de Morte em Portugal, a Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas quis relacionar o Dia Mundial do Livro com esta efeméride, incitando à leitura e celebrando o livro como um hino à vida .

O cartaz, um cartoon com conceção e design da ilustradora e cartoonista Cristina Sampaio, pretende mostrar simbolicamente que o livro e a leitura são fatores fundamentais para o crescimento económico, político, social e cultural, e que se encontram na base da cidadania plena.

 

 

Fonte: dglb

Read Full Post »

jf2

No dia 2 de abril comemora-se em todo o mundo o nascimento de Hans Christian Andersen e desde 1967 este passou a ser o Dia Internacional do Livro Infantil, reforçando a importância da leitura e o papel fundamental dos livros para a infância.

Para assinalar o Dia Internacional do Livro Infantil 2017, a DGLAB convidou o ilustrador João Fazenda, vencedor do Prémio Nacional de Ilustração do ano passado, para ser o autor da imagem do cartaz português.
A mensagem do IBBY internacional, este ano é da responsabilidade da Rússia. O escritor Sergey Makhotin redigiu a habitual mensagem  e o cartaz original é do ilustrador Mikhail Fedorov. Podem ler abaixo a mensagem traduzida para português:

“VAMOS CRESCER COM O LIVRO!”
Na minha primeira infância, gostava de construir casas com pequenas peças e toda a espécie de brinquedos. Usava muitas vezes um livro ilustrado a fazer de telhado. Nos meus sonhos, entrava na casa, deitava-me na cama feita com uma caixa de fósforos e olhava para cima, para as nuvens ou para as estrelas do céu. A escolha dependia da ilustração que preferia na altura. Por intuição, segui as regras de vida das crianças que procuram criar um ambiente seguro e confortável à sua volta. E o livro infantil ajudou-me muito a atingir este objetivo.

Depois cresci, aprendi a ler, e o livro, na minha imaginação, começou a assemelhar-se mais a uma borboleta, ou mesmo a um pássaro, do que ao telhado de uma casa. As páginas do livro pareciam asas que batiam. Era como se o livro, deitado no peitoril, quisesse sair pela janela aberta em direção ao desconhecido. Segurava-o com as mãos e começava a lê-lo, e o livro ia ficando cada vez mais calmo. Então eu próprio voava para outras terras e novos mundos, alargando o espaço da minha imaginação.

Que alegria ter na mão um novo livro! De início, nunca sabemos sobre o que é que ele fala. Resistimos à tentação de saltar para a última página. E como o livro cheira bem! É impossível distribuirmos o seu cheiro pelos vários elementos que o compõem: tinta, cola… não, é impossível. Existe um cheiro particular no livro, um cheiro único e excitante. As folhas encontram-se coladas, como se o livro não tivesse ainda acordado. E ele só acorda quando começamos a lê-lo.

Continuamos a crescer, e o mundo à nossa volta torna-se mais complicado. Enfrentamos questões a que nem os adultos sabem responder. No entanto, é importante partilhar dúvidas e segredos com alguém. E aí o livro volta a ajudar-nos. Muitos de nós terão um dia pensado: este livro fala sobre mim! E a personagem favorita parece ser igual a nós. Tem problemas semelhantes, e resolve-os com dignidade. E há outra personagem que não é igual a ti, mas tu gostarias de seguir o seu exemplo, de ser tão corajoso e desembaraçado quanto ela.

Quando há rapazes e raparigas que dizem “Não gosto de ler!”, isso faz-me rir. Não acredito neles. Comem gelados, jogam jogos e veem filmes interessantes. Dito de outro modo, gostam de se divertir! É que a leitura não serve apenas para desenvolver sentimentos e personalidades, ela é, acima de tudo, um prazer.
É sobretudo com essa missão que os autores de livros para a infância escrevem os seus livros.”

Sergey Makhotin

(tradução de Mª Carlos Loureiro a partir da versão inglesa de Yana Shvedova)

 

Fonte: dglab

Read Full Post »

afetos8

O dia 14 de fevereiro é o Dia de S. Valentim, o corajoso bispo Valentim que celebrava casamentos às escondidas, contra as ordens do imperador Cláudio II, que havia proibido o casamento durante as guerras acreditando que os solteiros eram melhores combatentes. A Biblioteca do Agrupamento de Escolas Afonso de Paiva não querendo deixar de assinalar esta data, dedicou a semana de 13 a 17 de fevereiro aos sentimentos e às emoções, partilhando afetos entre toda a comunidade escolar.

Conhecido também pelo Dia dos Namorados, esta data é uma oportunidade para reforçar a importância de sabermos AMAR no sentido mais amplo da palavra. Por isso, decidimos espalhar afetos pelos cerca de 100 alunos das turmas do 1º ano das escolas básicas Afonso de Paiva, S. Tiago, Castelo e Mina, desfiando emoções e sentimentos em sessões de mediação leitora feita a partir da colorida história de Anna Llenas “O monstro das cores”. Os professores e alunos foram desafiados a explorar e a partilhar as suas emoções e sentimentos em jogos de pós-leitura, através de atividades de expressão artística, plástica e musical, com recurso ainda a outras linguagens, a gestual e a simbólica.

 

 

Uma semana especial repleta de afetos, tudo em nome do amor e dos sentimentos.

Read Full Post »

cartaz-14-02-2017
 
Este ano vamos celebrar com Amor aos Livros o emblemático Dia dos Namorados!
 
A Biblioteca Escolar S. Tiago associa-se à iniciativa internacional “International Book Giving Day” e ao longo da próxima semana de 13 a 17 de fevereiro, como forma de celebrar o Dia dos Namorados, vamos dedicar a semana ao Amor pelos Livros!
 
A ideia é simples: os alunos, professores e funcionários escolhem um livro usado que tenham em casa, que já tenham lido e vão até à biblioteca da escola básica S. Tiago e trocam por outro. A troca é definitiva. Um livro usado que já tenham lido e que agora, seja porque cresceram, no caso dos miúdos, seja porque já está lido, no caso dos adultos, trocam por outro, promovendo assim o amor pelos livros, possibilitando a sua leitura a outros
 
Se cada um levar um livro, temos muitas opções de troca! Ah! E… recebem ainda, um marcador de livros especial para assinalar a iniciativa!  
Não se esqueçam! Por Amor aos Livros!
#abookforasmile
#loveforbooks
#bookgivingday

Read Full Post »

img_20170203_134220_744

A magia é o centro dos livros do Harry Potter e, por isso, o tema perfeito para inspirar um evento de encantar. A Biblioteca Escolar Afonso de Paiva associou-se à comemoração internacional da Noite dos Livros de Harry Potter, assinalada pelo 3º ano consecutivo, numa iniciativa da Editora Presença, com o apoio da Largebooks, este ano sob o tema “Os Professores de Hogwarts”.

Na noite de 2 de fevereiro não faltaram ideias inspiradas nos 7 livros mágicos desta série e desde a decoração a rigor, montras de livros em português e inglês, jogos interativos, jogos de tabuleiro, fichas de magia, quizzes e algumas feitiçarias e magias, os 30 alunos (do 5º ao 9º ano) do Clube de Leitur@s do Agrupamento Afonso de Paiva, a Equipa da Biblioteca Escolar e um grupo de Professores convidados de Hogwarts, participaram numa noite inesquecível que teve como principal objetivo transmitir a magia dos famosos livros de J.K. Rowling às crianças e jovens, bem como a sua celebração com os seus já fiéis leitores.

 

 

A Noite começou pelas 20.30h e todos os que já tinham recebido as cartas de admissão no “Correio das Corujas”, puderam desfrutar com as múltiplas atividades mágicas, inseridas num vasto programa que começou com a chegada à BiblioEstação e a ida à bilheteira para obtenção dos bilhetes de comboio para a “Plataforma 9 e ¾”. O Magnífico Diretor, Professor Dumbledore recebeu-os com uma leitura em português de um excerto do livro 1 – “Harry Potter e a Pedra Filosofal” – e o Hino da Escola de Magia e Feitiçaria de Hogwarts, como boas vindas à Noite dos Livros de Harry Potter. Seguiu-se a canção do “Chapéu Selecionador” e a respetiva “Cerimónia de Seleção” para que os alunos soubessem a casa a que iriam pertencer, podendo assim formar equipas e dirigirem-se para o respetivo dormitório, onde vestiram os pijamas e prepararam as suas caminhas. Já muito bem instalados, fofinhos e quentinhos, puderam ouvir a leitura em voz alta, em inglês, de um excerto, alusivo às poções e feitiços, do livro 2 – “Harry Potter e a Câmara dos Segredos” – pela Professora Trelawney, uma das ilustres convidadas da Escola de Hogwarts, servindo de mote para o jogo mágico de poções com o jogo interativo da Play Station 3, orientado pelo Professor Snape, outro dos professores convidados desta Noite.

Os alunos, organizados de acordo com as suas Casas: Gryffindor, Hufflepuff, Ravenclaw e Slytherin foram posteriormente convidados pela Professora McGonagall a participar no “Concurso do Quadro de Honra de Hogwarts”, um Jogo de Perguntas e Respostas com pontos, assim como algumas Fichas de Magia, com Sopas de Letras e Quizzes. Posteriormente e por equipas, dirigiram-se ao Gabinete do Professor Dumbledore onde puderam usar as varinhas mágicas num surpreendente Jogo de Xadrez daquele cujo nome não podemos pronunciar… Seguiu-se um Hot ButterChocolate e um Hogwarts Carrot Cake, iguarias gentilmente preparadas pela Professora Sprout. A Madame Pince, ilustre bibliotecária de Hogwarts, presenteou os participantes com um marcador de livros alusivo à Noite, após a última leitura em voz alta da noite, em português, de mais um excerto do livro 1 – “Harry Potter e a Pedra Filosofal”.

 

 

dsc07637

 

A Grande Noite dos Livros de Harry Potter terminou com a ida para os respetivos dormitórios: Gryffindor, Hufflepuff, Ravenclaw e Slytherin, seguindo-se a projeção do primeiro filme “Harry Potter e a Pedra Filosofal”.

A noite passou a correr e na manhã seguinte, dia 3 de fevereiro, havia aulas, mas não sem antes tomarem um pequeno-almoço reforçado, para repor energias, oferta do generoso Diretor Dumbledore!

Esta noite de feitiços e magia na Biblioteca Afonso de Paiva foi uma verdadeira aventura, com muitos livros, histórias, aventuras, personagens e sonhos com uma Noite Mágica e Inesquecível!

Podem descobrir mais sobre a “Noite dos Livros de Harry Potter” no vídeo que aqui vos deixamos, já disponível no canal YouTube da Biblioteca Escolar Afonso de Paiva em: https://www.youtube.com/channel/UCsHYCuNVF7YLABm9m2PvTNw

Read Full Post »

O sistema braille foi criado em 1825 pelo jovem francês Louis Braille, nascido a 4 de janeiro de 1809. É um código universal que permite às pessoas cegas beneficiar da escrita e da leitura, dando-lhes acesso ao conhecimento, favorecendo a sua inclusão na sociedade e o pleno exercício da cidadania.

Os pontos em relevo, atualmente tão comuns em livros, embalagens de medicamentos, cosméticos e alimentos, em cartões de visita e em cardápios, representam uma das grandes invenções humanas, o sistema braille.

Read Full Post »

O desenvolvimento das capacidades linguísticas da criança é um dos principais benefícios da leitura em voz alta. Ler em voz alta contribui igualmente para o desenvolvimento emocional da criança, ajudando a desenvolver e a conhecer as suas emoções. Expande e enriquece o vocabulário, melhorando igualmente a sua capacidade de expressão e comunicação. Vários são os estudos que confirmam que as crianças habituadas a ouvir ler em voz alta desde cedo, estão mais preparadas para desenvolver as suas capacidades de aprendizagem e, simultaneamente, desenvolvem o gosto e hábitos de leitura. A leitura, ao contrário da televisão, dos computadores e outros meios, preenche a mente e desenvolve a capacidade de imaginação e criatividade da criança que tem de criar na sua cabeça as imagens do que lê ou do que ouve ler. Ler para a criança em voz alta, potencializa a concentração e atenção, além de ser uma excelente maneira de nos entretermos e passarmos momentos prazerosos.

 

E foi o que aconteceu entre os dias 12 e 16 de dezembro na Biblioteca Escolar S. Tiago onde cerca de 200 alunos do 1º ciclo das diferentes escolas do Agrupamento de Escolas Afonso de Paiva cheiraram, sentiram e ouviram a magia inebriante dos diferentes contos do Natal que a educadora Maria da Luz Lopes e a professora bibliotecária Carla Nunes, da equipa da biblioteca escolar Afonso de Paiva, para eles prepararam. Num cenário natalício, recriado no espaço da biblioteca da escola básica de S. Tiago, não faltaram os sons e os cheiros desta época, e, aconchegados pelo calorzinho de uma lareira, acompanhado de um chazinho quente, muitas foram as emoções sentidas nas histórias que ouviram ler. Por entre “Sonhos de Neve” (Eric Carle), o “Lobo Mau” e a “Capuchinho Vermelho” (Clara Cunha), entre outros amigos, conseguiram levar prendas ao “Pai Natal” (Ana Saldanha) e a alguns animais amigos também, lembrando essa noite tão especial que se aproxima, a “Noite de Natal” (Clement Moore).

 

 

Esta foi mais uma iniciativa no âmbito da promoção da leitura, desenvolvida pela Biblioteca Escolar do Agrupamento de Escolas Afonso de Paiva, numa primeira edição muito participada, que a todos agradou, onde os olhares ternos e os sorrisos doces retribuídos foram recompensados por um Desejo de Natal muito Feliz e Doce da Equipa da Biblioteca, numa Estrelinha Especial a todos oferecida no final deste primeiro EnCont(r)O de Natal, com Canela e Pinho no Avental.

E não se esqueçam que neste Natal… Um Livro é o presente ideal!

Read Full Post »

Older Posts »

A23 EDIÇÕES

A fine WordPress.com site

Anna Llenas

autora e ilustradora de libros

EUROLIS

Resources for librarians

Bestiário Tradicional Português

Primeira compilação ilustrada de criaturas míticas do folclore nacional

Figuras da Ficção

Investigação, ensino e debate sobre a teoria da narrativa e sobre a personagem ficcional

CAFÉ COM LETRAS

Revista de literatura lusófona

Universo Abierto

Blog de la biblioteca de Traducción y Documentación de la Universidad de Salamanca

Ilse Losa

(re)descobrindo os seus livros - homenagem no ano do centenário do seu nascimento

Ferramentas Web, Web 2.0 e Software Livre em EVT

estudo sobre a integração curricular de ferramentas digitais em EVT | por jOsÉ aLbErTo rOdRiGuEs

e-portefólio pnep

Victor Marques

Apps para educação

Rede de Bibliotecas Escolares | Aplicações para dispositivos móveis

Actio libera

Espaço para a literatura e o teatro: artigos, críticas, resenhas, traduções, dicas, provocações e delírios.

bibliotecaescolar.info

um (re)encontro com o mundo dos livros...

%d bloggers like this: