Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for the ‘Educação Especial’ Category

A Biblioteca Escolar e o Departamento de Educação Especial do Agrupamento de Escolas (AE) Afonso de Paiva, procurando sensibilizar para uma melhor aceitação e adaptação da sociedade à pessoa com deficiência, comemorou no passado dia 3 de dezembro, o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência. A efeméride foi assinalada em duas fases: numa primeira abordagem, através da visualização do filme de animação “Cuerdas”, escrito e dirigido por Pedro Solís García (vencedor do Prémio Goya de melhor curta metragem de animação em 2014) nas páginas web e átrio da Escola Básica Afonso de Paiva.

A segunda abordagem, e num registo comemorativo mais formal, decorreu no dia 6 de dezembro, no auditório do Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ) de Castelo Branco, tendo sido iniciada com a apresentação do projeto “Saber Ler+: Práticas Inclusivas de Leitura” do AE Afonso de Paiva e terminou com a interpretação da canção “O Som das Cores”, a partir do livro de Paula Teixeira, com os alunos do primeiro ciclo da Escola Básica S. Tiago. A comemoração contou ainda com outras atividades dinamizadas também pelos restantes agrupamentos de escolas e pelo CRTIC do concelho de Castelo Branco, contando ainda com a colaboração da ERID e da APPACDM de Castelo Branco e com o apoio do Instituto Português do Desporto e Juventude e da Câmara Municipal de Castelo Branco.

2016_12_06_dia_pessoa_deficiencia

 

As atividades decorreram de forma muito satisfatória e de acordo com as expetativas, traduzindo-se numa experiência bastante profícua, plena de contributos enriquecedores na construção de uma sociedade cada vez mais inclusiva, lembrando a todos que “o que nos faz especiais são as nossas diferenças.”

Anúncios

Read Full Post »

div_dia_deficiencia

Hoje dia 6 de dezembro, o Agrupamento de Escolas Afonso de Paiva promove a comemoração do Dia Internacional da Pessoa com Deficiência, com a realização de um seminário no auditório do Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ), em Castelo Branco, pelas 17:00h.
A Biblioteca Escolar e o Departamento de Educação Especial do AE Afonso de Paiva irão apresentar o Projeto “Saber Ler+: Práticas inclusivas de leitura”.
A organização deste evento junta os quatro agrupamentos de escolas de Castelo Branco: Afonso de Paiva, Amato Lusitano, Nuno Álvares e José Sanches e S. V. da Beira, e é da responsabilidade conjunta do CRTIC e dos departamentos de educação especial dos respetivos agrupamentos. Conta, ainda, com a colaboração da ERID e da APPACDM de Castelo Branco e com o apoio do Instituto Português do Desporto e Juventude e da Câmara Municipal de Castelo Branco.

Convidamos toda a comunidade educativa a assistir a este evento.

Read Full Post »

As bibliotecas escolares têm vindo a assumir um papel central enquanto recurso privilegiado das escolas no domínio da literacia, procurando que todos os alunos tenham acesso a livros e a tecnologias de informação e comunicação.

 
Contudo, face à crescente inclusão de alunos com necessidades educativas especiais nas escolas do ensino regular, veem-se hoje confrontadas com a imprescindibilidade de responder a uma população escolar com competências significativamente diversas e que requer, em muitas situações, meios tecnológicos diferenciados de acesso à leitura.

 

Criar bibliotecas escolares inclusivas, que proporcionem reais oportunidades de leitura para todos os alunos, é talvez um dos maiores desafios colocado à Biblioteca Escolar Afonso de Paiva, que, em conjunto com o Departamento de Educação Especial se pretende assumir como espaço de excelência para o desenvolvimento da literacia e como garante da igualdade de oportunidades, procurando pois, dinamizar respostas ajustadas às exigências e às necessidades de todos os alunos, através da criação de projetos de leitura diversificados, que prevejam condições para a efetiva participação e preparação dos alunos com necessidades educativas especiais a par dos seus restantes colegas, desenhando-se abordagens inovadoras na concretização de projetos dirigidos a todos os alunos, como é o caso do Projeto “Saber Ler+”, projeto desenhado e criado no âmbito da iniciativa nacional “Todos Juntos Podemos Ler” da RBE (Rede de Bibliotecas Escolares).

 

 

Esta foi a premissa para o desenvolvimento de mais uma ação de formação, inserida no Plano de Formação do Agrupamento de Escolas Afonso de Paiva, desta vez de curta duração, promovida em junho pela professora bibliotecária Carla Nunes, dirigida aos Docentes de Educação Especial e Professores e Educadores titulares das turmas/ grupos envolvidos no referido projeto, tendo como objetivos subjacentes: refletir sobre a importância da inclusão na educação e no ensino; perspetivar o trabalho colaborativo da Biblioteca Escolar em função da participação conjunta de todos dos alunos, independentemente das suas necessidades educativas, bem como na criação e partilha de recursos e materiais pedagógicos em vários formatos, destinados aos alunos com necessidades educativas especiais; desenvolver competências ao nível da produção de recursos inclusivos e das práticas facilitadoras no acesso à informação e à leitura em contexto curricular, desenvolvendo uma comunidades de prática de leitura inclusiva no agrupamento.

Read Full Post »

O Ursinho, a Raposinha e o Coelhinho e muitos meninos, todos eles especiais, passaram uma tarde bem divertida e cheia de sorrisos na Biblioteca Escolar Afonso de Paiva.

 

DSC06055

 

“O boneco de neve sorridente” de Tina Macnaughton, com ilustrações de Christina Butler foi a ternurenta história de amizade iluminada pelo brilho de um boneco de neve que as crianças seguiram com a tradução para LGP e também com os dedos e com as imagens, desenvolvendo a estimulação sensorial através do tato: macio/ áspero, quente/ frio, identificando animais, cores e texturas e estimulando a motricidade fina dos alunos, numa sessão de leitura pela professora bibliotecária, enquadrada no Projeto “Saber Ler+”, no seguimento da aprovação da candidatura ao projeto nacional “Todos Juntos Podemos” Ler da RBE, da Biblioteca Escolar em colaboração com o Departamento de Educação Especial. No final todos receberam um boneco de neve muito sorridente construído pelos alunos e professores da EREBAS e Técnicos do Núcleo de Educação Especial.

 

 

DSC06040 DSC06027 DSC06039

 

A leitura para crianças com necessidades educativas especiais favorece um maior desenvolvimento crítico e intelectual dos alunos, bem como estimula o seu imaginário, permitindo que algumas barreiras e conceitos sobre a pessoa portadora de deficiência sejam diluídos. Consideramos de vital importância que as atividades de promoção de leitura, seja para portadores de necessidades especiais, seja para alunos do ensino regular, a utilização de títulos e de material de qualidade e diversificado, em ambiente adequado como as bibliotecas escolares, na procura de estímulos e respostas às necessidades de cada aluno, à linguagem, ao toque, à socialização, à descoberta, ou ainda, de forma muito relevante, uma reação, uma resposta ou até mesmo um simples sorriso.

 

DSC06049

 

È pela consciência da importância da continuidade destes projetos voltados para a Educação Especial, proporcionando aos alunos uma nova experiência e plena socialização, num ambiente e numa comunidade que se afirma inclusiva, como a biblioteca escolar, que reside, sem dúvida, o nosso maior resultado.

 

 

Read Full Post »

As mãos que 
Sorriem
Enlaçam
Abraçam
Acalentam
Tocam
Sustentam
Seguram
Carregam
Acolhem
Afagam…

 

E benditas as mãos que cantaram a linda canção “Adivinha quanto eu gosto de ti” de André Sardet, com interpretação em LGP e escreveram, desenharam, recortaram e trouxeram à professora bibliotecária uma linda coroa de Natal, repleta de mãos entrelaçadas com uma maravilhosa mensagem de Natal que muito agradou os olhos de quem a leu, fazendo nascer emoções no coração…

 

IMG_1397

 

OBRIGADA aos alunos, à professora e às professoras estagiarias

da Turma 4ST de 2º ano da EB S. Tiago!

Read Full Post »

Como já AQUI publicámos, no passado dia 15 de novembro, comemorou-se o Dia Nacional da Língua Gestual Portuguesa. Para celebrar esta data tão importante para a Comunidade Surda, a equipa da EREBAS – Escola de Referência de Educação Bilingue de Alunos Surdos –  dinamizou, ao longo do dia 16, várias atividades no âmbito da Língua Gestual Portuguesa (LGP). Toda a comunidade escolar do Agrupamento Afonso de Paiva teve a oportunidade de desenhar a sua mão e dar-lhe um sorriso, num painel colocado na entrada principal, representando com um conjunto de mãos sorridentes o entusiasmo de todos!

12295389_1677217799159191_4192429279538013685_n

A educação inclusiva constitui um dos grandes desafios que se coloca à escola e as crianças e os jovens com necessidades educativas especiais são uma das prioridades deste Agrupamento. Assim, a Biblioteca Escolar (BE) e o Departamento de Educação Especial (DEE), em colaboração e articulação curricular, iniciaram este ano um projeto de intervenção: “Saber Ler+”, no âmbito da iniciativa nacional da Rede de Bibliotecas Escolares (RBE) “Todos Juntos Podemos Ler”. E foi igualmente inserido neste projeto que os alunos do 1.º ano da EB Afonso de Paiva se deslocaram à BE Afonso de Paiva para assistirem a uma história em LGP e em Braille: “O som das cores” de Paula Teixeira. O livro é a primeira história desta coleção, e é ela própria um hino à inclusão. Um livro onde os personagens das ilustrações fazem língua gestual portuguesa (LGP) para as crianças aprenderem a falar com as mãos e a escrever picotando numa língua diferente. Aprenderam alguns gestos, em particular os gestos das cores, e ficaram ainda a conhecer os elementos da equipa da EREBAS e o que estes fazem. Houve ainda tempo e espaço para o visionamento de um DVD lúdico-pedagógico, com o videoclip da música original feito a partir da história.

 

 

4979366a-c008-4a4c-9a1b-b669bc1274fb bf271909-b93a-45a3-966d-b096ec688aba c1334c5c-1dab-4a32-a28c-b560ce11f9ca

 

Para finalizar as comemorações desta data, os alunos do 3.º ano da EB Afonso de Paiva juntaram-se aos atuais e antigos alunos da EREBAS, bem como a toda a equipa, para degustar um bolo alusivo à data e cantar os parabéns!

12243182_1677217775825860_6195108663522567008_n

LGP

Read Full Post »

lgp

A Língua Gestual Portuguesa (LGP) foi reconhecida enquanto língua da comunidade surda portuguesa pela Constituição da República a 15 de novembro de 1997.  Por isso, comemora-se hoje o Dia Nacional da Língua Gestual Portuguesa, com o objetivo de promover a Língua Gestual Portuguesa e garantir o respeito dos direitos das pessoas surdas.

Este dia foi criado para o reconhecimento e proteção da LGP e defesa dos direitos das pessoas surdas, comprometendo-se a “proteger e valorizar a língua gestual portuguesa enquanto expressão cultural e instrumento de acesso à educação e da igualdade de oportunidades.”

A língua gestual é a forma de comunicação por excelência utilizada na comunicação de e com pessoas surdas. Realiza-se através de gestos, movimentos das mãos mas também outro movimentos corporais e expressões faciais.

Como qualquer língua tem de ser aprendida. É muito específica, tem vocabulário e gramática própria (cada ação motora representa/ simboliza conceitos).

Apresentamos aqui duas ferramentas ou recursos digitais que contribuem para essa aprendizagem:

  1. A Escola Virtual de LGP, uma plataforma de ensino à distância de Língua Gestual Portuguesa, já apresentada aqui no blogue no post “Plataformas de estudo on-line e onde podes saber mais.
  2. O Prodeaf  é uma app gratuita capaz de traduzir texto e voz de português para a Língua Brasileira de Sinais (Libras, em português do Brasil). O objetivo é permitir a comunicação entre surdos e ouvintes. (Para android e para ios)

“Imagine” de John Lennon, versão UNICEF, em Língua Gestual Portuguesa (LGP)

Read Full Post »

Older Posts »

A maioria das pessoas que caminhem atrás de mim serão crianças, por isso manterei os passos curtos." Hans Christian Andersen

BECRE-AEPM

Biblioteca Escolar / Centro de Recursos Educativos do Agrupamento de Porto de Mós

Pegada-de-papel

Blogue das Bibliotecas do Agrupamento de Escolas Martim de Freitas

Bibliotecas são Comunidades

As bibliotecas são Comunidades

Cinema Sem Conflitos

Prevenção e mediação de conflitos em contexto educativo

O Cão Leitor

Livros, Literacia e Literatura para crianças

A23 EDIÇÕES

A fine WordPress.com site

Anna Llenas

autora e ilustradora de libros

EUROLIS

Resources for librarians

Bestiário Tradicional Português

Primeira compilação ilustrada de criaturas míticas do folclore nacional

Figuras da Ficção

Investigação, ensino e debate sobre a teoria da narrativa e sobre a personagem ficcional

CAFÉ COM LETRAS

Revista de literatura lusófona

Universo Abierto

Blog de la biblioteca de Traducción y Documentación de la Universidad de Salamanca

%d bloggers like this: