Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for the ‘DGLAB’ Category

O Dia Mundial do Livro e do Direito de Autor é comemorado, desde 1996 e por decisão da UNESCO, a 23 de abril e pretende anualmente promover o prazer da leitura e o respeito pelos livros e pelos seus autores. Esta data foi escolhida com base na tradição catalã em que os homens oferecem neste dia às suas senhoras uma rosa vermelha de S. Jorge e recebem em troca um livro, testemunho das aventuras do cavaleiro. Em simultâneo e por coincidência, nesta data nasceu e morreu William Shakespeare, deixou-nos Cervantes e numerosos escritores famosos vieram ao mundo ou faleceram.

Nas bibliotecas escolares do AE Afonso de Paiva e como forma de assinalar a data através da promoção de iniciativas ligadas à leitura, aos livros e ao acesso à informação e ao conhecimento, poderá ser visionado (ao longo do dia) o filme de animação The Fantastic Flying Books of Mr. Morris Lessmore, uma curta-metragem de animação americana de 2011 (dirigido e escrito por William Joyce e Brandon Oldenburg), vencedor do Óscar de melhor curta-metragem de animação em 2012, sendo uma verdadeira homenagem aos livros. Simultaneamente e logo a começar o dia, pelas 8.30h da manhã, todos os alunos do 1º, 2º e 3º ciclos irão assistir a esta curta de animação em contexto de sala de aula, como forma de marcar o dia. Na escola sede do agrupamento estarão dispostos códigos QR nas portas das salas e outros espaços da escola básica Afonso de Paiva que remetem para uma informação síntese sobre a data e a sua importância.

DML2018

Para a equipa das bibliotecas escolares Afonso de Paiva e S. Tiago, os livros são muito importantes para os mais novos e, muito particularmente, para os meninos do jardim-de-infância que mesmo sem saberem ler, têm por eles um amor e um fascínio imenso. Os livros são portas para a descoberta da língua que se faz arte, explorando a beleza das palavras, o mundo das formas e das cores, das sensações e das emoções. Com os livros vivem-se aventuras que de outra forma não seriam possíveis. Os livros são um importante meio de transmissão de cultura e informação e elementos fundamentais no processo educativo. Por isso, fica o conselho: leiam, sozinhos ou com os outros, partilhem histórias e memórias, aventurem-se nessa viagem que iniciamos quando se começa a ler um livro novo!

Boas leitur@s!

Anúncios

Read Full Post »

No dia 2 de abril comemora-se em todo o mundo o nascimento de Hans Christian Andersen e a partir de 1967, este dia passou a ser designado por Dia Internacional do Livro Infantil, chamando-se a atenção para a importância da leitura e para o papel fundamental dos livros para a infância.

Para assinalar o Dia Internacional do Livro Infantil 2018, a DGLAB convidou a ilustradora Fátima Afonso, vencedora do Prémio Nacional de Ilustração 2017, para ser a autora da imagem do cartaz.

28783408_1986438141629478_3600959187419852852_n

A mensagem do IBBY internacional, este ano da responsabilidade da Letónia, consta de um texto – The small is big in a book – da autoria da escritora Inese Zandere, e de um cartaz do ilustrador Reinis Petersons. Na página do Livro.DGLAB encontra-se uma tradução do texto da escritora.

Fátima Afonso (Torres Novas, 1962)

Licenciada em pintura pela faculdade de Belas Artes de Lisboa, é ilustradora e professora de Artes Visuais.

A partir do ano 2000 dedicou-se à ilustração de livros para crianças, tendo já, no seu currículo, mais de 20 livros publicados. Em 2012 fez parte da seleção de ilustradores que representaram Portugal na exposição “Como as Cerejas”, apresentada na Feira do Livro Infantil de Bolonha quando Portugal foi país-tema. Em 2014, o projeto «Sonho com Asas», que viria a ser publicado como livro em 2016 pela editora Kalandraka, valeu-lhe o 2º Prémio do VII Prémio Internacional Compostela de Álbuns Ilustrados.

Em 2017, foi nomeada para o Prémio Autores SPA /RTP, na categoria de Literatura / Melhor Livro Infanto-Juvenil, com a obra Sonho com Asas, vencendo nesse ano o Prémio Nacional de Ilustração com a mesma obra.

 

Fonte: dglab

Read Full Post »

Apresentação1

 

Este ano,  o Dia Mundial do Livro associa-se às comemorações dos 150 Anos da Abolição da Pena de Morte em Portugal.

A data de 23 de abril para assinalar o dia do livro foi escolhida com base na tradição catalã segundo a qual, neste dia, os cavaleiros oferecem às suas damas uma rosa vermelha de S. Jorge, e recebem em troca um livro, testemunho das aventuras do heroico cavaleiro. Em simultâneo, é prestada homenagem à obra de grandes escritores, como Shakespeare e Cervantes, falecidos em abril de 1616.

Em 2017, e porque se comemoram os 150 Anos da Abolição da Pena de Morte em Portugal, a Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas quis relacionar o Dia Mundial do Livro com esta efeméride, incitando à leitura e celebrando o livro como um hino à vida .

O cartaz, um cartoon com conceção e design da ilustradora e cartoonista Cristina Sampaio, pretende mostrar simbolicamente que o livro e a leitura são fatores fundamentais para o crescimento económico, político, social e cultural, e que se encontram na base da cidadania plena.

 

 

Fonte: dglb

Read Full Post »

Hoje é Dia Mundial do Livro e do Direito de Autor e Irina Bokova, Diretora-Geral da UNESCO, escreveu para assinalar este dia de 2015 um belíssimo texto, onde regista a luta contra o analfabetismo junto dos jovens e dos grupos sociais mais desfavorecidos, numa perspetiva inclusiva e por meio das tecnologias da informação.

Aos livros, diz Irina Bokova, cabe a missão de “inspirar a compreensão, o diálogo e a tolerância”.

cartaz

O Dia Mundial do Livro e do Direito de Autor é uma oportunidade para reconhecer o poder dos livros na mudança das nossas vidas para melhor e para apoiar os livros e aqueles que os produzem.

Como símbolos globais de progresso social, os livros – aprendizagem e leitura – tornaram-se alvos para aqueles que denigrem a cultura e a educação, que rejeitam o diálogo e a tolerância. Nos últimos meses, temos visto ataques contra crianças nas escolas e a queima pública de livros. Neste contexto, o nosso dever é claro – devemos redobrar os esforços para promover o livro, a caneta, o computador, juntamente com todas as formas de leitura e de escrita, de modo a combater o analfabetismo e a pobreza, a construir sociedades sustentáveis, e a fortalecer as bases da paz.

A UNESCO tem liderado a luta contra o analfabetismo, a ser incluída como elemento fundamental nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável de 2015. A alfabetização é a porta para o conhecimento, essencial para a auto-estima e o empoderamento individuais. Os livros, em todas as formas, desempenham um papel essencial neste aspecto. Com 175 milhões de adolescentes no mundo – a maioria meninas e mulheres jovens – incapazes de ler uma única frase, a UNESCO está empenhada no domínio das tecnologias de informação e comunicação, em especial as tecnologias móveis, de forma a apoiar a alfabetização e a alcançar os excluídos com aprendizagem de qualidade.

Os livros são plataformas de valor incalculável para a liberdade de expressão e o livre fluxo de informação – estes são essenciais para todas as sociedades actuais. O futuro do livro como objeto cultural é inseparável do papel da cultura na promoção de vias mais inclusivas e sustentáveis ​​para o desenvolvimento. Através da suaConvenção sobre a Proteção e a Promoção da Diversidade das Expressões Culturais, que celebra o seu 10º aniversário este ano, a UNESCO pretende promover a leitura entre os jovens e os grupos marginalizados. Estamos a trabalhar com a International Publishers Association, a International Booksellers’ Federation e a International Federation of Library Associations para apoiar as carreiras profissionais nas editoras, livrarias, bibliotecas e escolas.

Este é o espírito norteador de Incheon, na Coreia do Sul, que foi designada Capital Mundial do Livro 2015, em reconhecimento do seu programa para promover a leitura entre as pessoas e as camadas mais desfavorecidas da população. Esta designação entra em vigor no Dia Mundial do Livro e do Direito de Autor e será comemorada com os participantes do ano anterior, Port Harcourt, na Nigéria.

Juntos, vamos comemorar os livros como a personificação da criatividade, o desejo de compartilhar ideias e conhecimentos, para inspirar a compreensão, o diálogo e a tolerância. Esta é a mensagem da UNESCO sobre o Dia Mundial do Livro e do Direito de Autor.

Mensagem de Irina Bokova, Diretora-Geral da UNESCO, por ocasião do

Dia Mundial do Livro e do Direito de Autor 2015

Read Full Post »

O dia 2 de abril é comemorado todos os anos como o Dia Internacional do Livro Infantil em homenagem a Hans Christian Andersen, assinalando a data do seu nascimento em 1805.

 

cartazibby

 

 

Todos os anos também, o International Board on Books for Young People (IBBY) convida um escritor e um ilustrador para produzirem uma mensagem e um cartaz alusivos à efeméride. Este ano essa responsabilidade coube aos Emirados Árabes Unidos, sendo a escritora Marwa Al Aqroubi e o cartaz da autoria da ilustradora Nasim Abaeian, ambos subordinados ao lema Many Cultures One Story.

 

Com esta efeméride, os organismos, entidades e pessoas de algum modo ligados à educação, à leitura e às bibliotecas pretendem chamar a atenção para a importância da leitura e para o papel fundamental dos livros para a infância.

 

Para assinalar o Dia Internacional do Livro Infantil 2015, a Direção Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas (DGLAB) convidou o ilustrador António Jorge Gonçalves, vencedor do Prémio Nacional de Ilustração do ano passado, para ser o autor da imagem de um cartaz português que é, como tem sido habitual, distribuído pelas Bibliotecas Públicas.

 

DILI_2015_cartazportugues

 

A mensagem do IBBY internacional é este ano da responsabilidade dos Emirados Árabes Unidos. (possível tradução em português).

 

Fontes: bad, dglab

Read Full Post »

7575126

 

O Arquivo Nacional da Torre do Tombo é um serviço dependente da Direção-Geral do Livro, Arquivos e Bibliotecas, serviço central da administração direta do Estado – integrado na Secretaria de Estado da Cultura – e é um dos arquivos de âmbito nacional da rede portuguesa de arquivos.

 

 

 

Para além de informações sobre serviços, arquivos e pesquisas e notícias, a Torre do Tombo oferece-lhe a possibilidade de desfrutar, sempre que desejar e através da Internet, de documentos até agora inacessíveis à grande maioria do público. Assim todos fruímos e preservamos um inestimável e raro património comum.

Descubra os Tesouros da Torre do Tombo, e outros documentos textuais e iconográficos nas Páginas Temáticas e em Eventos em documentos, no separador Exposições Virtuais.

 

 

 

 

Há eventos que marcaram a história. E há eventos que foram resgatados para a História porque ficaram registados em documentos.

Read Full Post »

Alerta Premika

um (re)encontro com o mundo dos livros...

Hafuboti

little bits of library goodness

Educação para a Sexualidade

Recursos para Jardim de Infância e Ensino Básico (1.º e 2.º Ciclos)

TRANSMAGINAR

um (re)encontro com o mundo dos livros...

Cultura LIJ / ISSN 2545-6849-10

Revista de Cultura y Literatura Infantil y Juvenil - ISSN 2545-6849-10 Marzo 2018

Literacia de Informação

Da Informação ao conhecimento com a biblioteca escolar

Hipermediaciones

Conversaciones sobre la comunicación digital interactiva

Amora negra

Página do escritor e contador de histórias Carlos Alberto Silva

A maioria das pessoas que caminhem atrás de mim serão crianças, por isso manterei os passos curtos." Hans Christian Andersen

BECRE-AEPM

Biblioteca Escolar / Centro de Recursos Educativos do Agrupamento de Porto de Mós

Pegada-de-papel

Blogue das Bibliotecas do Agrupamento de Escolas Martim de Freitas

%d bloggers like this: