Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for Fevereiro, 2018

Como em edições anteriores, o Agrupamento de Escolas Afonso de Paiva volta a participar em mais uma edição do Concurso Nacional de Leitura (CNL), iniciativa promovida pelo Plano Nacional de Leitura 2027 (PNL 2027), com o propósito de dar a esta celebração da leitura e da expressão um caráter mais universal e significativo, articula-se com a Rede de Bibliotecas Escolares (RBE); com a Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas (DGLAB); com o Camões – Instituto da Cooperação e da Língua (Camões, IP); com a DGAE / DSEEPE, versão lusófona, e com a RTP, que acompanha o CNL procurando reafirmar a intenção de alcançar resultados específicos de promoção da leitura e da escrita junto da comunidade escolar, alargando, na atual edição, o universo de ação aos alunos do 2º e 3º ciclos do ensino básico do agrupamento, numa colaboração entre a Professora Bibliotecária e os Professores dos Grupos de Português.

Este slideshow necessita de JavaScript.

O 1º momento decorreu entre dezembro.2017 e fevereiro.2018, com sessões de apresentação/ motivação para a participação e para as obras de leitura no âmbito do concurso com todas as turmas dos dois ciclos de ensino e com a realização das provas escolares (1ª Fase Regional), para apuramento para as provas municipais (2ª Fase Regional) de dois vencedores por ciclo do agrupamento, sendo os finalistas os alunos João Francisco Caramelo Belo (5º1) e Maria Inês Semedo Roque (6º2) do 2º ciclo e Mariana Pereira dos Santos Cabral (9º1) e Diogo Alexandre Pereira Carrola (9º2) do 3º ciclo.

 

Os alunos foram apurados após a realização de provas, baseadas em questionários de escolha múltipla e leitura expressiva em voz alta de excertos das obras lidas, designadamente: “A raposa azul” e “Missão Impossível”, ambas de Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada no 2º ciclo e “O rapaz do pijama às riscas” de John Boyne no 3º ciclo. Este ano e como forma de proporcionar ferramentas que permitam tornar os alunos mais competentes, técnica e cientificamente, os questionários foram realizados na Biblioteca Escolar Afonso de Paiva, com recurso à aplicação Kahoot através da utilização de dispositivos móveis (tablets), sob a orientação da professora bibliotecária Carla Nunes sendo esta “mais uma experiência que para além de proporcionar aos alunos, através de novas tecnologias e metodologias, melhores aprendizagens, torna mais interativo e dinâmico todo o processo e incrementa qualitativamente a interação professor/aluno”, conforme refere a docente.

 

 

O 2º momento, ainda no âmbito da 2ª Fase Regional, decorrerá entre 1 de março e 30 de abril, traduzindo-se pela realização de provas organizadas por Bibliotecas Municipais, sobre novos livros (a designar), dirigidas aos vencedores do momento anterior. Boa sorte a todos!

IMG_1995

Read Full Post »

Este mês de fevereiro, na semana de 19 a 23, como forma de assinalar o dia 14.fevereiro – Dia dos Namorados e promover a educação para os valores, celebramos a Semana dos Afetos, atividade no âmbito da iniciativa “Bibliotecas Solidárias”, da responsabilidade das Bibliotecas Escolares do Agrupamento de Escolas Afonso de Paiva. Irão decorrer várias atividades, desde um concurso de escrita, a sessões de animação de leitura, exposições bibliográficas, decoração alusiva e, paralelamente mais uma campanha solidária, desta vez a favor da FUNDAÇÃO DO GIL, por acreditarmos que “esta é a melhor forma de celebrar uma semana dedicada aos afetos e ao amor, pelo amor e ajuda ao próximo.”

cartaz

 

Esta é mais uma oportunidade para estimular a responsabilidade social, a solidariedade e o voluntariado entre todos os professores, assistentes e técnicos, alunos e pais do Agrupamento Afonso de Paiva, envolvendo-os numa causa social, apelando à sua preciosa contribuição para apoiar, mimar e ajudar (um bocadinho) os meninos e as meninas que vivem na Casa do Gil, Centro de Acolhimento Temporário com cuidados pós-hospitalares, para crianças em situação de risco clínico ou social.

 

A Fundação do Gil existe desde 1999 e tem como missão a promoção do bem-estar clínico, social e emocional das crianças e jovens doentes, através da criação de estruturas de apoio que lhes permitam melhorar a sua qualidade de vida, acelerar, em alguns casos, o regresso à família, e sonhar com a possibilidade de recuperar em pleno os seus projetos de vida. Desde que foi criada, a instituição tem mantido o foco de atuação em áreas de vazio social, onde quer o Estado, quer as demais instituições, não agilizaram ainda respostas, tornando-se desta forma pioneira no desenvolvimento de projectos de saúde pediátrica e reintegração social, como a Casa do Gil e o Apoio Domiciliário. Para tal, todos os contributos são bem-vindos, através da compra solidária de produtos da Fundação do Gil, sendo que as receitas das vendas revertem integralmente para a Fundação do Gil.

E porque o lugar da criança não é no hospital, apelamos e contamos com todo o apoio e contribuições da comunidade educativa para tornar melhor a vida de muitas crianças apoiadas pela Fundação do Gil.

20721791_NO7WU

Sejamos solidários… Para continuarmos a ajudar quem mais precisa!

Read Full Post »

O dia 14 de fevereiro é o Dia Internacional da Oferta de Livros #bookgivingday #giveabook

Criado no Reino Unido este dia já ocupa atualmente uma presença internacional, assente na ação individual de apaixonados pela leitura que doam, oferecem, presenteiam, surpreendem com livros!

Ofereçam LIVROS📚! Com AMOR❤!

O poster de 2018 pertence a Elys Dolan e foi criado a partir das ilustrações do livro “Knighthood for Beginners”.

WordPress: https://bookgivingday.com/

Twitter: seguir @bookgivingday

Read Full Post »

Para ler e escrever melhor

Para ler e escrever melhor

Quanto mais lermos, melhores serão os nossos textos e, da mesma forma, quando mais escrevermos, melhor compreenderemos os textos e o processo de escrita que os envolve.

Foi com base nesta premissa que os professores de Português dos 2.º e 3.º ciclos, em colaboração com a professora bibliotecária do AE Afonso de Paiva, realizaram mais uma edição do Concurso Concelhio de Ditado “Ler mais… Escrever melhor”. Assim, e durante o mês de janeiro, cerca de duas centenas de alunos dos segundo e terceiro ciclos realizaram a primeira fase a nível de escola deste concurso, a partir das obras “A fada Oriana” de Sophia de Mello Breyner Andresen no 5.º ano e “Ulisses” de Maria Alberta Menéres, no 6º ano. No terceiro ciclo, a história de Robert Louis Stevenson “A ilha do tesouro” foi a selecionada para o 7.º ano e o conto “A inaudita guerra da Avenida Gago Coutinho” de Mário de Carvalho para o 8.º ano.

Conforme previsto no regulamento deste concurso, metade dos alunos participantes passaram agora à fase interturmas, encontrando-se os resultados afixados na Biblioteca Escolar.

Boa sorte para todos!😀😉

Read Full Post »

Mais uma vez e como forma de assinalar o Dia da Internet mais Segura, iniciativa Europeia que se comemora em Portugal a 6 de fevereiro e se alarga a todo o mês de fevereiro, os professores de Informática em colaboração com a professora bibliotecária do Agrupamento de Escolas Afonso de Paiva, entre outras atividades destinadas a alunos de outros níveis e ciclos de ensino, organizam uma sessão de sensibilização que assinala esta mesma iniciativa, sob o tema deste ano: “Cria e partilha com responsabilidade: uma melhor internet começa contigo”, destinada aos cerca de 150 alunos de 5º ano e os seus diretores de turma, no âmbito da área temática “Educação para os média” na disciplina de “Educação para a Cidadania” da Oferta de Escola do Agrupamento.

cartaz

Com esta já conhecida iniciativa, os professores de informática e a professora bibliotecária visam promover a adoção de comportamentos e atitudes adequados a uma utilização crítica e segura da internet e das redes sociais pelos alunos e professores.

 

Read Full Post »

O Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto (27.janeiro) foi o pretexto para mais um encontro de autor promovido pelas Bibliotecas Escolares do AE Afonso de Paiva, em parceria com a Editora Asa, no passado dia 29 de janeiro, que marcou o início das atividades decorridas ao longo da semana, numa singela homenagem #paranãomaisesquecer.

À conversa com João Pinto Coelho, arquiteto, professor e o mais recente escritor português distinguido com o maior galardão literário do país, o prémio Leya 2017, atribuído ao seu romance “Os loucos da rua Mazur”, estiveram cerca de uma centena de alunos e uma dezena de professores do AE Afonso de Paiva, numa oportunidade de regressar ao cenário da Segunda Guerra Mundial pelas palavras do escritor que, fruto de talento e décadas de leituras e estudo sobre o Holocausto e investigações recentes, resultantes de duas ações do Conselho da Europa que integrou, nos levou às entranhas de Oświęcim (Auschwitz), a cidade polaca que já foi um lugar feliz, reescrita a cinzas pelos nazis na memória da Humanidade.

 

 

João Pinto Coelho registou que “mais do que respostas, o Holocausto devolve, cada vez mais, perguntas” e que por isso, não se cansa de semear dúvidas e inquietações entre mentes jovens quando vai às escolas falar do tema: “Aprendemos pouco com a História”, assinala, “Continuamos certos da nossa bondade e incapacidade de fazer coisas terríveis”, desafiando todos os presentes os presentes para olhar o Mal onde nunca o vemos: dentro de nós. O escritor captou totalmente a atenção de toda a plateia, quer pelo tema, quer pela (re)construção da tragédia, assim como os tempos paralelos que nos apresenta nos seus dois romances: “Perguntem a Sarah Gross” e “Os loucos da Rua Mazur”, um livro que nos dá a conhecer um lado diferente da Segunda Guerra Mundial, um livro sobre “a universalidade do mal e não sobre a sua banalidade”, como refere João Pinto Coelho.

As Bibliotecas Escolares Afonso de Paiva para além de estimularem a criação literária e o gosto pela leitura, estreitando laços entre os livros e os leitores, pretendem sempre ajudar e apoiar alunos e professores a entender melhor a importância da palavra e da literatura, bem como as transformações que hoje definem o mundo à nossa volta, com a promoção destes encontros e conversas com autores, na promoção de um trabalho de leitura empenhada, envolvida, que devolve a competência de ler nas crianças e jovens.

Read Full Post »

Blogue do IILP

Promocão e difusão da língua portuguesa

Astrid Lindgren Memorial Award

The World's Largest Children's Literature Award

Universo Abierto

Blog de la biblioteca de Traducción y Documentación de la Universidad de Salamanca

MixLit

O DJ da literatura

abiblioterapeuta.wordpress.com/

A Biblioterapeuta: porque os livros curam.

Alerta Premika

um (re)encontro com o mundo dos livros...

Hafuboti

little bits of library goodness

Educação para a Sexualidade

Recursos para Jardim de Infância e Ensino Básico

TRANSMAGINAR

um (re)encontro com o mundo dos livros...

Cultura LIJ / ISSN 2545-6849-10

Revista de Cultura y Literatura Infantil y Juvenil - ISSN 2545-6849-10 Marzo 2018

Literacia de Informação

Da Informação ao conhecimento com a biblioteca escolar

%d bloggers like this: