Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for 31 de Janeiro, 2016

marvel-hq-capa-agambiarra-1170x480

A Marvel disponibilizou na sua página um total de 268 Histórias aos Quadradinhos (HQ) para leitura em linha gratuita. Digitalizaram as revistas em quadradinhos e disponibilizaram sem custo algum para quem queira ler. Entre as edições mais recentes encontram-se clássicos como o Capitão América, Os Vingadores, o Homem-Aranha e ainda outras raridades. Apesar de estarem todos em inglês, é uma ótima oportunidade para praticarem a língua.

Outros personagens do universo Marvel também podem ser encontrados gratuitamente no sítio da editora, como Hulk, Thor, o Homem de Ferro, X-Men e o Quarteto Fantástico. Além desses, há ainda as HQ de Star Wars, que são a melhor prenda, ainda mais depois da estreia de Star Wars: O Despertar da Força. Existem ainda as HQ de séries que estrearam na Netflix, como O Demolidor e, a mais recente, Jessica Jones.

Para acederes às histórias basta entrares no sítio da Marvel, ires até à página até “Free in Marvel Unlimited” e clicares em “see all” ou clicares diretamente AQUI.

 

 

 

Fonte: gambiarra

Anúncios

Read Full Post »

Universo Abierto

Blog de la biblioteca de Traducción y Documentación de la Universidad de Salamanca

MixLit

O DJ da literatura

abiblioterapeuta.wordpress.com/

A Biblioterapeuta: porque os livros curam.

Alerta Premika

um (re)encontro com o mundo dos livros...

Hafuboti

little bits of library goodness

Educação para a Sexualidade

Recursos para Jardim de Infância e Ensino Básico

TRANSMAGINAR

um (re)encontro com o mundo dos livros...

Cultura LIJ / ISSN 2545-6849-10

Revista de Cultura y Literatura Infantil y Juvenil - ISSN 2545-6849-10 Marzo 2018

Literacia de Informação

Da Informação ao conhecimento com a biblioteca escolar

Hipermediaciones

Conversaciones sobre la comunicación digital interactiva

Amora negra

Página do escritor e contador de histórias Carlos Alberto Silva

A maioria das pessoas que caminhem atrás de mim serão crianças, por isso manterei os passos curtos." Hans Christian Andersen

%d bloggers like this: